Crime virtual rende mais que droga


A declaração é do perito da Polícia Federal e presidente da Associação Brasileira de Especialistas em Alta Tecnologia (Abeat), Paulo Quintiliano. Baseado em dados do Banco Mundial, Quintiliano disse que crimes cometidos por hackers geram mais dinheiro que a venda de drogas.

Segundo o perito, os bancos são as principais vítimas dos “bandidos virtuais”, perdendo milhões de dólares todos os anos com desvios. “Os hackers acabam atacando as instituições financeiras através do elo mais fraco da corrente, que são os correntistas, pegando as senhas bancárias durante uma transação online.

Não existe um sistema de segurança 100% seguro”, alarmou o perito.

CH

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Comentários

  • Animus Adjuvandi RJ  On agosto 23, 2009 at pm:00 pm

    Sem dúvida alguma o crime virtual rende mais do que droga!
    Dê uma olhada no estrago que a empresa Stopplay, com sede em Ribeirão Preto, fez ao longo de pouco mais de 3 anos de existência…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: