Arquivos de tags: Susan Boyle

Veja o vídeo da nova canção para o Haiti

Leona Lewis em «Everybody Hurts»
O vídeo da nova canção produzida para ajudar as vítimas do terramoto no Haiti já chegou à Internet. Leona Lewis, Robbie Williams, Mika, Rod Stewart e Susan Boyle são algumas das estrelas britânicas que o produtor Simon Cowell juntou para a versão de «Everybody Hurts», um original dos REM.

O tema está disponível para download nas principais lojas virtuais desde domingo e, segundo a BBC News, deverá mesmo chegar ao primeiro lugar do top digital no Reino Unido.

Os lucros das vendas serão entregues a duas organizações de ajuda ao povo haitiano – a Disasters Emergency Committee e a Helping Haiti do jornal «The Sun».

O sismo de 7.0 na escala de Richter que atingiu o Haiti em meados do mês passado matou mais de 200 mil pessoas e devastou a capital Porto Prince, fazendo mais de um milhão de desalojados.

A nova versão de «Everybody Hurts» foi gravada nos Sarm Studios, em Londres, o mesmo local onde, em 1984, foi gravado o single «Do They Know It’s Christmas?» por artistas como Bob Geldof, Bono, David Bowie, Queen e Phil Collins.

Veja aqui o vídeo de «Everybody Hurts»:

Susan Boyle: ovacionada em primeira turnê

A turnê do programa britânico Britan’s Got Talent começou e Susan Boyle mostrou que não se deixou abalar pelos eventos passados.

A cantora britânica, que passou alguns dias internada devido ao estresse que passou durante o programa foi ovacionada durante a primeira apresentação da turnê, em Birmingham, na sexta-feira, dia 12, de acordo com o Daily Mail.

nilnewsonline.com

Depois de cantar duas canções, uma delas Memory from Cats, a mesma que interpretou na semi-final do Britan’s Got Talent, a cantora recebeu aplausos e parabenizações do público que levantou-se para consagrá-la. O mesmo aconteceu quando Susan entrou no palco para se apresentar.

Como agradecimento, Boyle fez uma reverência em direção ao público.ssou durante o programa foi ovacionada durante a primeira apresentação da turnê, em Birmingham, na sexta-feira, dia 12, de acordo com o Daily Mail.

Depois de cantar duas canções, uma delas Memory from Cats, a mesma que interpretou na semi-final do Britan’s Got Talent, a cantora recebeu aplausos e parabenizações do público que levantou-se para consagrá-la. O mesmo aconteceu quando Susan entrou no palco para se apresentar.

Como agradecimento, Boyle fez uma reverência em direção ao público.

Susan Boyle convidada a cantar na Casa Branca

Susan Boyle foi convidada a cantar nas celebrações do Dia da Independência na Casa Branca diante do Presidente Barack Obama, segundo seu irmão contou ao jornal britânico Telegraph.

“O sonho dela ainda está vivo. Susan está exausta, mas é só isso”, disse John Boyle, apesar da possibilidade da cantora não participar da turnê Britain’s Got Talent, que começa na próxima sexta-feira (5).

SuBo está se recuperando em uma clínica no norte de Londres, depois de sofrer um colapso físico e mental no último sábado depois da final do programa de calouros.

O Primeiro Ministro britânico, Gordon Brown, está preocupado com Susan e contou durante uma entrevista para a GMTV que tem ligado para Simon Cowell e Piers Morgan, jurados do programa, para saber sobre o estado de saúde da cantora.

“Espero que Susan Boyle esteja bem, porque ela é uma pessoa muito muito boa.”

Susan Boyle avança e canta hoje na semi-final

Susan Boyle, uma desempregada britânica de 47 anos que conquistou o mundo com sua voz angelical, superou neste sábado as provas para ter direito a uma nova chance no programa televisivo musical que a alçou à fama.

Confira aqui a apresentação de Susan com ‘I dreamed a dream’

Neste sábado, Susan se preparou para a apresentação deste domingo na semifinal do programa e falou com a AP.

– Se quiseram me manter é fantástico, mas não imaginava ir tão longe. Só me concentro na minha apresentação – comentou ela neste sábado.

Os produtores do programa e Boyle se negaram a revelar que música ela cantará no palco. O autor William Hill disse que Susan é a favorita para ganhar a final do programa no dia 30 de maio.

Susan disse que não mudará sua aparência para a apresentação deste domingo.

– Quero que as pessoas me vejam como eu sou e farei o melhor para cantar bem – revelou Susan.

Sara Lee, porta-voz do ”Britain’s got talent”, disse que a apresentação de Susan deste domngo será colocada na internet imediatamente após a apresentação.

A cantora, que vive sozinha com seu gato Pebbles em uma das áreas mais pobres da Escócia, atuará ao vivo neste domingo, semanas depois de sua surpreendente apresentação cantando “I dreamed a dream” do musical “Les miserables”, impressionando os jurados do programa e deixando boquiabertos milhões de espectadores ao redor do mundo.

A atuação de Susan Boyle no mês passado – no melhor estilo “American Idol” na versão britânica do programa, chamado “Britain’s got talent” (em tradução literal “Britânicos têm talento”) – foi vista quase 60 milhões de vez no site de vídeos na internet YouTube e recebeu elogios de celebridades do calibre de Oprah Winfrey e Demi Moore.

A tímida britânica, que jura que nunca foi beijada na boca por ninguém, foi recebida em abril com ceticismo numa atitude condescendente por parte do famoso jurado do programa Simon Cowell. Mas Susan não demorou muito para impressionar o público.

No Twitter, Demi Moore escreveu que a voz de Susan Boyle a fez encher os olhos de lágrimas.

Cowell e o restante dos jurados do programa anunciaram no sábado que Susan era uma dos 40 cantores que foram selecionados para avançar na competição.

Gerry Boyle, irmão da cantora, dise que a fama surpreendeu a irmã.

– Teve uma reação gigantesca por conta do fenômeno que representa o YouTube. Ela foi bem recebida pelo mundo todo. Mas agora acho que já voltou em parte para a realidade – disse Gerry.

Susan Boyle cresceu em Blackburn, um povoado a 32 km ao oeste de Edimburgo, na Escócia. Mais jovem de nove irmãos, Susan teve problemas de aprendizagem quando era criança, o que a transformou em alvo de zombaria dos colegas de classe.

Na fase adulta, passou apuros para encontrar trabalho mas atuava no coro de sua igreja e frequentava bares de karaokê.

Durante entrevista para a agência The Associated Pres no mês passado, Susan disse que a morte de sua mãe a inspirou a participar do programa de TV.

– Quis mostrar a ele que poderia fazer algo com a minha vida – disse a britânica.

Desde então, já apareceu no programa de Winfrey na TV e recebeu sessões de cabeleireiro que deram fim a seu cabelo crespo, dando-lhe um ar de glamour.

Susan Boyle: A “grande virada”

A desempregada Susan Boyle ( foto) não é nenhum modelo de beleza, mas teve coragem para enfrentar o júri ferino e a platéia debochada do programa “Britain’s got talent”, no último sábado.

Recebida com risos e desconfiança, por conta de sua aparência, ela calou a todos quando começou sua interpretação de “I dreamed a dream”, do musical “Les miserables”.

O vídeo de sete minutos com o antes e depois de sua apresentação é atualmente o maior sucesso do Youtube – até a tarde desta terça-feira, já havia sido visto mais de 2,5 milhões de vezes.

Sobre o assunto li o post abaixo no excelente  Blog da jornalista Rosana Hermann e repasso na íntegra prá vocês que nos acompanham aqui no Nilnews

Diz Suzana:

– O leitor Roberto Haruo mandou um email curto com o link deste vídeo de Susan Boyle, candidata do famoso programa de “calouros” Britain’s got Talent. No corpo do email, uma frase final dizendo que havia rolado algumas lágrimas do lado de lá.

Cliquei para ver e antes de assistir, vi que o vídeo não estava habilitado para reprodução.
E comecei a assistir. Mal começou e eu já estava chorando.

Acho que todos nós vamos nos identificar com Susan em algum momento.

Por que?
Porque ela realiza a “grande virada” do ser humano, do herói que se prova, em segundos.
Ao entrar no palco, ela é uma derrotada senhora. 47 anos, feia, gorduchinha.Nada a ver com o que “eles” querem. A fera da bela. O pato feio. O júri faz caras, ri debocha. A platéia, torce o nariz. Todos a desprezam e estão contra ela.
Ela diz que vem do interior quer ser cantora profissional e quer ser como Helen Elaine Page*. Ela canta, para espanto-deboche dos jurados “I dream the dream” from Les Misérables, uma das músicas mais dificeis de ser interpretada até por veteranos.


E a canção começa.
E ao abrir a boca os anjos começam a sair de sua garganta, aos milhares, e enchem o salão com sua música celestial. E a feiura de Susan derrete no ar diante de nossos olhos. Temos vontade de ajoelhar, de pedir perdão pelo julgamento precipitado, como o júri faz em seguida, inclusive o “bad” do juri.
A emoção é forte, porque há uma Susan dentro de nós, querendo provar sua beleza invisível.
“Eu sou assim e por isso estou aqui” deve pensar…como uma boba.
Acho que todos somos, até as pessoas mais bonitas e incompreendidas.

A luta é essa, a de achar uma oportunidade de soltar e mostrar o que de bom nós temos.

Agora vai lá, pegue o lencinho e assista.
O vídeo com áudio bom não tem permissão para ser “embedded” e a versão no Vimeo não tem a introducão necessária.

Som na caixa e bom espetáculo. Um tapa na cara desse mundo que nos julga pela aparência.
Obrigado, Ricardo.

http://www.youtube.com/watch?v=RxPZh4AnWyk

*-obrigado, gente!

Obrigado  pela dica do Dailymotion, que tem o embed:

Susan Boyle on Britain Got Talent

Obrigada também pela dica do Dailymotion, que tem o embed:

%d blogueiros gostam disto: