Arquivos de tags: Paulo Roberto Falcao.

Falcão vai deixar a Globo e caio assume seu lugar

O ex-jogador Paulo Roberto Falcão deve deixar o canal em breve, já que seu contrato de comentarista de futebol com a Globo vence neste ano e não deve ser renovado.

Seu contrato vence este ano e nao deve ser renovado. Fontes do mercado sugerem que Falcao pretende voltar a ser técnico de futebol “e por isso vai deixar a TV”.

Outra mudança envolve a dupla Galvão Bueno (narrador) e Casagrande (comentarista).

O narrador expressa há tempos a vontade de trabalhar mais com o comentarista Caio Ribeiro.

Com a troca, Caio deve virar o comentarista número um da emissora, atuando nas transmissões das grandes decisões e nos jogos da seleção brasileira. Procurada, a Globo, via assessoria, não ligou de volta.

A informação é da coluna Outro Canal, Keila Jimenez

Falcão não é mais colunista de Zero Hora

O comentarista de futebol da Rede Globo Paulo Roberto Falcão não é mais colunista de Zero Hora.

Falcão deixou de ser colaborador porque não obteve resposta positiva a um pedido de aumento em sua remuneração mensal.

Desde janeiro, está afastado do jornal e da Rádio Gaúcha, onde apresentava um programa semanal. Havia vários anos que o ex-jogador assinava uma coluna no diário, que, na verdade, era escrita por um ghostwriter, o jornalista Nilson Souza.

Coletiva

Ratinho terá que indenizar o ex-jogador de futebol Falcão

O apresentador de TV Carlos Roberto Massa, mais conhecido como “Ratinho”, não comseguiu suspender o pagamento de uma indenização por danos morais ao ex-jogador de futebol e comentarista da Globo Paulo Roberto Falcão.

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) havia condenado Ratinho a pagar um valor equivalente a 500 salários mínimos (R$ 225 mil) por expor indevidamente a imagem de Falcão em seu programa de televisão. O apresentador apresentou um agravo de instrumento pedindo que o caso fosse analisado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) – o que foi negado pela ministra Nancy Andrighi.

O recurso já havia sido negado pelo TJ-SP. Segundo a Coordenadoria de Editoria e Imprensa do STJ, a defesa de ratinho alegou que houve violação de alguns artigos do Código de Processo Civil (CPC) e do Código Civil de 2002. Além disso, alegou a existência de divergência jurisprudencial em relação a possível omissão não sanada pelo órgão paulista e ao valor excessivo da indenização.

A ministra Nancy Andrighi entendeu que não foi possível comprovar a violação e que o STJ só revisa valores de indenização quando contrariam a lei ou o bom senso, mostrando-se irrisórios ou exorbitantes, o que não ocorreu neste caso.

Em setembro a TV Record foi condenada pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) a pagar uma indenização de R$ 200 mil ao ex-jogador Falcão por danos morais.

O TJ-SP entendeu que a intenção da Record foi denegrir a imagem de Falcão. Reportagens exibidas nos programas “Note e Anote” e “Fala Que Eu Te Escuto” afirmavam que o jogador teria seqüestrado seu filho e que sua esposa o teria visto tomando banho com outro homem.

Portal Imprensa/STJ

%d blogueiros gostam disto: