Arquivos de tags: messenger

Facebook Messenger para Android não exige mais conta na rede social

facebookmessenger[1]Se o Facebook quer mesmo comprar o WhatsApp nós não sabemos – o WhatsApp nega o rumor – mas que a rede social quer ao menos roubar espaço e criar o substituto dos SMS, ela quer. E a nova versão do Facebook Messenger para Android deixa isso bem claro.

Em uma atualização disponível para alguns países (o Brasil a terá em breve), você não precisa ter mais uma conta no Facebook para se comunicar com outras pessoas pelo app. Você só precisar colocar o seu nome, seu telefone e começar a usar o serviço –exatamente como no WhatsApp.

A atualização por enquanto está disponível apenas em alguns países – Índia, Austrália, Indonésia, Venezuela e África do Sul – mas logo o Facebook expandirá o novo Messenger para o mundo inteiro, assim como também trará uma atualização para o app no iOS (sem dizer quando).

É claro que o WhatsApp é o mais popular, mas não é o único serviço disponível no mercado. Quem tem iPhone pode usar o iMessage, da Apple, e a RIM tem o BlackBerry Messenger para seus dispositivos. Além disso, há diversos apps multiplataforma como o KakaoTalk, WeChat e até o ChatOn, da Samsung. Ou seja, é um mercado com bastante gente participando.

É difícil imaginar alguém que não tenha uma conta no Facebook e tenha um smartphone, mas até dá para entender alguém que prefira não vincular a conta ao app para poder conversar com amigos com mais facilidade. De qualquer forma, o Facebook quer, definitivamente, ser o grande nome da comunicação nos smartphones. [Facebook via The Verge]

Jovens internados por dependência de internet

Dois adolescentes da cidade de Lleida, na Catalunha, estão fazendo terapia para se recuperarem de uma dependência de aparelhos celulares e internet.

Com 12 e 13 anos, os jovens estão em tratamento no Centro de Saúde Mental infantil de Lleida. “Eles chegaram aqui pela sua dependência do Messenger, mas vimos que também eram dependentes do celular”, declarou Maite Utgés, diretora da instituição.

O tratamento durará “pelo menos dois anos” e tentará combater os problemas apontados como causa do insucesso escolar dos adolescentes, que usavam a tecnologia sem nenhum controle por parte dos pais, segundo a instiruição.

O centro de Lleida já ajuda cerca de 20 crianças com os mesmos sintomas, que usam o aparelho de celular entre cinco e seis horas por dia. “Quando atingem tais níveis de dependência, não é fácil deixar de repente”, explica Maite.

A terapia também envolve os pais, com recomendações para tentar mudar os hábitos vigentes nas famílias. Especialistas defendem que os jovens não deveriam ter celular até completarem 16 anos.

José Martínez Raga, especialista em dependências, admite que esta pode ser “a ponta do iceberg” de um problema crescente não só na Espanha, mas em todos os países desenvolvidos, em que a tecnologia é cada vez mais utilizada por pessoas cada vez mais jovens.

IOL Diário.

%d blogueiros gostam disto: