Arquivos de tags: Lenovo

Lenovo vai abrir fábrica em Itú SP

A Lenovo vai investir 30 milhões de dólares para construir uma fábrica no interior de São Paulo, em Itu. As instalações empregarão até 700 funcionários dentro de dois anos, sendo que incluem uma fábrica de computadores comerciais e de consumo para os clientes no Brasil e um centro de distribuições. Dan Stone, vice-presidente da Lenovo, foi nomeado como presidente das operações no Brasil.

“O anúncio é a primeira etapa de um plano ousado e de longo prazo que compreende estratégias orgânicas e inorgânicas de crescimento, cujo objetivo é dobrar a nossa participação de mercado no Brasil”, afirmou Stone.

Via The Next Web

LENOVO pretende ter fábrica no Brasil

Loja da Lenovo em Pequim (Foto: Getty Images)

fabricante de computadores chinesa Lenovo está em busca de aquisições no Brasil em meio ao movimento para aumentar sua presença em grandes mercados emergentes além da China, onde já é o maior fornecedor de computadores em termos de remessas. A segunda maior fabricante de computadores do mundo, atrás apenas da Hewlett-Packard, também está avaliando um plano para construir uma base manufatureira no Brasil, para que possa produzir localmente e evitar as altas tarifas de importação, afirmou o presidente da empresa para as regiões Ásia-Pacífico e América Latina, Milko Van Duijl, em entrevista à Dow Jones.

“Nós estamos interessados em comprar ou trabalhar junto com todos os players (no Brasil), embora não tenhamos escolhido um deles quando se trata de aquisição”, disse Van Duijl. O executivo também afirmou que a companhia não pode ser competitiva no Brasil sem uma base manufatureira local. “Quando é preciso somar (os impostos) aos custos em um negócio de computadores, no qual as margens são pequenas, não há chance em vida de ter sucesso”, declarou.

Os comentários do executivo foram feitos em meio às crescentes preocupações com a desaceleração da economia da China. A Lenovo, que tem 30% do mercado de computadores chinês, tem redobrado os esforços para se expandir em outros mercados emergentes, como Brasil, Índia, Indonésia, Argentina e México, onde a demanda deverá crescer entre os consumidores que compram computadores pela primeira vez.

A Lenovo afirmou que se tornou a marca número um na Índia pela primeira vez no trimestre encerrado em março, com uma fatia de 15,8%. A companhia vê espaço para crescimento na América Latina, onde sua presença continua relativamente pequena. No Brasil, a Lenovo é o player número nove do setor, com participação de mercado de 3,6% no fim de março e seus negócios no País atualmente não são lucrativos. Van Duijl observou que o Brasil recentemente foi superado pelo Japão para se tornar o terceiro maior mercado para computadores depois de China e EUA, em termos de remessas. As informações são da Dow Jones.

EXAME

Lenovo desiste de comprar a Positivo

Após examinar a possibilidade de comprar a Positivo Informática, a Lenovo decidiu por enquanto não levar a maior fabricante brasileira de microcomputadores (PCs), disse ao The Wall Street Journal uma fonte familiarizada com as deliberações do grupo chinês.

Nas últimas semanas, as ações da Positivo vinham surfando sobre reportagens publicadas na imprensa brasileira, segundo as quais a Lenovo e a norte-americana Dell haviam feito ofertas pela empresa.

Com uma participação de cerca de 21,5% do mercado de microcomputadores no Brasil, a Positivo contratou a filial brasileira do banco UBS para assessorá-la em relação às abordagens. Um porta-voz da Lenovo disse que a companhia não tem nada a dizer sobre compras nesse período, mas o diretor-executivo, Bill Amelio, tem declarado que a Lenovo está focando investimentos que possam ajudá-la a “ganhar escala e consolidar o setor”.

Quando surgiram os rumores sobre a compra da Positivo, em 10 de dezembro, as ações da Lenovo dispararam 26,6% na Bolsa de Hong Kong.

As informações são da Dow Jones.

%d blogueiros gostam disto: