Arquivos de tags: IPI para motos

Governo baixa IPI para as motos

O pacote fiscal a ser anunciado pelo governo também baixou as alíquotas do IPI sobre as motocicletas.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta segunda a postergação da redução do IPI para veículos por mais três meses, mas desta vez a medida também irá beneficiar as motocicletas.

A medida faz parte de um pacote com o objetivo de estimular a economia. O que ainda não está certo é se o governo irá atrelar a exigência de manutenção do emprego à redução do imposto, nas montaoras de moto.

os preços das motocicletas com até 150 cilindradas (cc), que respondem por 85% das vendas do segmento, terão queda de 3%, segundo cálculo das fabricantes. A queda será possível com a redução a zero da alíquota da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), que é de 3%. A medida terá validade até 30 de junho.

Segundo o diretor da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas (Abraciclo), Moacyr Paes, em janeiro e fevereiro as vendas de motos caíram 43% em relação ao mesmo período de 2008, para 189,1 mil unidades. As fábricas empregam 18 mil trabalhadores, a maioria na Zona Franca de Manaus (AM) e aceitaram acordo de manutenção de empregos durante a vigência da medida.

Construção civil

Grandes redes de lojas de material de construção prometem repassar a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) aos consumidores, assim que a medida entrar em vigor na quinta-feira (dia 2 de abril). Na média, os preços de 30 itens terão queda entre 5% e 8,5%, calcula a Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco). “Em 48 horas, teremos uma série de empresas anunciando os novos preços com a redução do imposto. Em uma semana, isso será uma realidade em quase todo o setor”, afirma o presidente da associação, Claudio Conz.

Para recuperar parte do prejuízo, algumas das principais redes de varejo devem iniciar uma briga pelo consumidor e não pretendem esperar o estoque acabar para repassar a redução do IPI. “Vamos cortar os preços antes mesmo de recebermos produto novo da indústria”, diz o diretor de Mercadorias e Marketing da Telhanorte, Marcelo Roffe. Segundo ele, todos os produtos com redução de preços serão identificados nos pontos de venda.

O governo também está estudando outras medidas, entre elas a redução do PIS/Cofins sobre os juros com o objetivo de baixar os “spreads” (a diferença entre o custo de captação do dinheiro e as taxas cobradas pelos bancos).

Também deu aumento do IPI sobre os cigarros para compensar a perda de arrecadação.

Mercado Aberto

%d blogueiros gostam disto: