Arquivos de tags: ENEM 2008

Enem 2010: MEC libera consulta à nota

Click abaixo:

Confira aqui o gabarito oficial do Enem 2010


 

………………………

Clic aqui e veja o resultado do ENEM 2010!

…………………………………………………………………………………………………………………………….

…………………………….

Atenção: Diante das muitas reclamações recebidas sobre a dificuldade de se consultar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio) pela internet ou através do serviço telefônico Fala, Brasil, a assessoria do MEC pediu calma aos participantes. Segundo o órgão, quem ainda não conseguiu acessar à nota deverá receber o bolhetim de desempenho em casa nos próximos dias.

A assessoria do MEC esclareceu que os candidados dispõem de três formas de consulta: através do endereço eletrônico do exame; da central de informação do MEC (0800-616161); ou do bolhetim de desempenho, enviado pelos Correios. No entanto, o candidato que não informou o número do CPF no momento da inscrição pode ter problemas ao tentar acessar a nota pela internet. Por isso, o site fornece mais outras duas opções de consulta: através número de inscrição; ou do nome completo, data de nascimento e estado de origem.

De acordo com o MEC, muitos candidatos estão apreensivos devido ao Programa Universidade para Todos (ProUni), em cuja inscrição os candidatos devem informar a nota no Enem. No entanto, o órgão reforça que a ocupação das bolsas do programa não segue a ordem de chegada, e sim o critério de rendimento dos alunos do Enem. O MEC garante que até o fim do prazo de inscrição do ProUni – no dia 12 de dezembro – todos os participantes do exame já terão recebido o bolhetim de desempenho em casa.

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta quinta-feira (20) os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio ( Enem).  Os estudantes podem consultar o seu desempenho no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Veja aqui seu boletim de desempenho

Para ver as notas, é necessário fornecer a senha obtida na inscrição. É possível consultar as médias alcançadas na parte objetiva e na redação.

As notas na prova objetiva do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) caíram 19,1%, de 2007 para 2008, passando de 51,52 pontos para 41,69 pontos, em cem pontos possíveis. Na redação, o fenômeno foi inverso: houve aumento de 5,5% nas notas dos estudantes brasileiros na avaliação, de 55,99 para 59,06.

Clique aqui para conferir o gabarito oficial

Além da consulta pela internet, os estudantes receberão, a partir da próxima semana, pelos Correios, o boletim de desempenho no endereço informado no ato da inscrição.

O exame foi aplicado no dia 31 de agosto. A prova é formada por 63 questões de múltipla escolha interdisciplinares de conhecimentos gerais (do conteúdo do ensino médio) e uma redação.

Entre os concluintes do ensino médio, a nota na prova objetiva dos estudantes da rede particular foi 33,6% superior que a dos alunos da rede pública. Os alunos da rede particular fizeram 56,12 pontos, contra 37,27 pontos dos pertencentes à rede federal, estadual e municipal de ensino.

Na redação, a rede particular também teve melhor desempenho médio, com 65,35 pontos contra 57,26 da rede pública.

No entanto, segundo o Inep, considerando só os alunos com os melhores desempenhos, os alunos que concluem o ensino médio na rede pública se saem melhor.

o melhor desempenho na prova objetiva ficou com o Distrito Federal, com média de 45,39 pontos. Seguem em segundo e terceiro lugares o Rio Grande do Sul (43,32 pontos) e o Rio de Janeiro (43,29 pontos). São Paulo aparece na quinta posição da lista com (43,01 pontos). O pior desempenho ficou com o Amazonas, que teve 33,48 pontos.

O melhor desempenho obtido na redação foi do Rio Grande do Sul, com 62,24 de média. Ele é seguido do Distrito Federal, com 60,62 e de Santa Catarina, com 59,89 pontos. O Rio de Janeiro aparece na quinta posição, com média de 59,68 e São Paulo aparece em sétimo lugar, com 59,17 pontos. O pior estado foi Alagoas, com média de 55 pontos.

O exame não é obrigatório, mas a adesão aumentou consideravelmente nos últimos anos porque a nota é utilizada como bônus na pontuação em mais de 500 instituições de ensino superior. Algumas utilizam apenas a nota do Enem como critério de seleção.

Ter partitipado do Enem também é requisito obrigatório para o estudante que quiser pleitear uma bolsa de estudos no Programa Universidade para Todos (ProUni). O programa exige que o candidato tenha obtido média mínima de 45 pontos entre prova objetiva e redação.

G1

Enem: o que estudar na última semana

Um dos erros mais comuns dos estudantes é pensar no Enem como se fosse uma prova de vestibular. Num processo seletivo, estudante precisa demonstrar seu conhecimento das disciplinas do ensino médio. Já no Enem, a prioridade é avaliar a capacidade para resolver problemas. Em vez da matéria, o que vale são as  competencias e habilidades do candidato dos candidatos.

“Conhecer as habilidades pedidas no Enem é essencial para ir bem” afirma Mateus Prado, presidente do Instituto Henfil, que ministra aulas gratuitas de preparação para o exame.

“Se o aluno conhece a estrutura da prova, consegue focar mais os estudos”, completa. Portanto, estudar por provas anteriores também pode ajudar a ir bem na prova. Segundo Prado, no exame costuma haver uma concentração maior de questões que envolvem os assuntos de energia e meio ambiente.

O professor ressalta ainda que se deve observar principalmente a competência de número 5, ligada a preocupações éticas e sociais: “no Enem o posicionamento ético e solidário vêm primeiro. Se esses princípios não forem respeitados na redação, por exemplo, o aluno pode até zerar”, conta, lembrando que nos vestibulares a lógica e a razão são priorizadas.

Dá para estudar seguindo as matérias do ensino médio?

Segundo Prado, apenas algumas das habilidades podem ser estudadas por conteúdo: a de número 9 (compreender a água e sua importância), a 14 (conhecer as formas geométricas), a 15 (utilizar noções de probabilidade) e a 17 (entender processos e implicações da produção de energia).

O professor Éder Melgar, do cursinho Intergraus, em São Paulo destaca alguns temas de atualidades que podem cair na prova: “apesar de não ser uma prova de atualidades, temas como a independência do Kosovo, o biodiesel, as eleições americanas, a questão da Ossétia e a inflação do preço dos alimentos têm chance de ser abordados”.

A professora Florides acredita que revisar alguns pontos da gramática também pode ser útil: ortografia; vocabulário e semântica;colocação pronominal; vírgulas e pontuação; concordância verbal e nominal.

Descanso e boa alimentação

É importante se preparar, mas isso não pode significar desgaste físico. Evite exageros na véspera. Tente dormir cedo e faça alimentação leve e saudável. É importante manter a calma e ter a consciência do dever cumprido.

%d blogueiros gostam disto: