Arquivos de tags: cirurgião plástico Eduardo Ramalho

Morre o cirurgião plástico Eduardo Ramalho

Morreu ontem à noite, por volta das 21 horas, vítima de um golpe “Boa noite Cinderela”,  um dos mais prestigiados e badalados cirurgiões pásticos da atualidade, o dr. Eduardo Ramalho. Ele esteve na sauna Club 117,  na Rua Candido Mendes, na Glória, no Rio de Janeiro (……..)

NOTA  ATUALIZADA em 01 abril 2011:

A Polícia Civil concluiu que a morte do cirurgião plástico de 55 anos na noite de sábado dentro de um clube gay no bairro da Glória, bairro do Rio de Janeiro, foi causada por um edema agudo nos pulmões.

De acordo com o delegado titular da 9ª DP (Catete), Pedro Paulo Pinho, contribuíram para a conclusão o laudo do Instituto Médico Legal (IML) e os depoimentos de amigos e parentes do cirurgião, do rapaz que o acompanhava no momento e de funcionários do estabelecimento. Ainda segundo Pinho, os documentos do médico comprovaram que ele sofria de uma cardiopatia e estava licenciado do Hospital Federal de Ipanema, de onde era servidor.

Pinho investiga ainda o envolvimento de PMs no furto de um cordão e um relógio da vítima, que estavam guardados em um armário no vestiário do clube. Imagens do circuito interno do estabelecimento mostram que um dos policiais e um homem à paisana abriram o armário e guardaram os pertences do médico em um saco preto para ser entregue na delegacia. No entanto, a carteira de documentos do médico, contendo cartões bancários e R$300 em dinheiro, só foi entregue na 9ª DP três dias depois da morte, após os PMs serem questionados pelo delegado titular.

O Club 117 lamentou em nota no site a morte do cirurgião, que era “cliente e amigo” do estabelecimento.

……..

Entre os nomes da alta sociedade carioca que se operavam e faziam tratamento estético com ele, estão Christine Niemeyer, Miriam Gagliardi, Zéka Marquez, Sydney Pereira, Nilga Chamoun, BB Schmitt, Neide Fachini, Surama de Castro, Zezé Coelho e a ex-Miss Brasil, Márcia Gabrielle

Ultimamente, o dr. Ramalho passava três dias por semana em Brasília, onde operava políticos e suas mulheres, inclusive, segundo se diz, mulheres de ministros do Governo Lula. Ele tinha grande clientela italiana, e muitos milionários vinham da Itália especialmente para serem operados com ele, no Rio de Janeiro.

Hildegard Angel

%d blogueiros gostam disto: