Arquivos de tags: Cartão Cooporativo

Campeã de gastos com cartão vivia em Paris

A

A campeã de gastos com o cartão corporativo estava exonerada do cargo durante um período em que fez compras. O cartão em nome da diretora do Sistema de Bibliotecas da Universidade Federal do Paraná (UFPR), Lígia Setenareski, registra R$ 201.487,06 em despesas de material importado entre julho de 2006 e maio de 2007.

Nesse período, ela não ocupava a função. Morava em Paris, para onde foi acompanhar o marido, também funcionário da mesma universidade e que deixou o Brasil para estudar.

Segundo o Diário Oficial da União, Lígia foi exonerada do cargo no dia 31 de julho de 2006. E nomeada para assumi-lo novamente em 9 de maio do ano seguinte. Documentos da CPI mista dos Cartões e o próprio Portal da Transparência, mantido pelo governo, mostram débitos durante esses meses no cartão em nome da servidora.

São gastos com material bibliográfico estrangeiro, ligado a editoras e universidades. As despesas são de valores variados, sendo a maior de R$ 34.376,61, referente a compra feita na Thomson Scientific, de Chicago nos EUA, segundo nota fiscal enviada por ela.

 Leandro Colon/Correio

Governistas vão convocar Álvaro Dias para depor

alvaro-dias.jpg

A tentativa de convocar a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) para depor na CPMI dos Cartões Corporativos ficou em segundo plano. Deputados da base aliada do governo, Perpétua Almeida (PCdoB – AC) e Sílvio Costa (PMN/PE) querem agora é que, não Dilma, mas Álvaro Dias (PSDB-PR) seja convocado para depor na CPI.

Esperam explicações sobre quem lhe entregou o dossiê. Regimentalmente isto não é possível. Álvaro Dias é titular da comissão e só poderia depor se abrisse mão da vaga. Garante que não o fará.

Presidente da CPMI dos Cartões Corporativos, Marisa Serrano (PSDB-MS) garante que a comissão poderá não mais se reunir caso os requerimentos de quebra de sigilo dos gastos de funcionários da Presidência da República com cartões corporativos ou de convocação de autoridades não sejam aprovados hoje.

Mas em quase duas horas de reunião nenhum requerimento foi sequer colocado em votação. Todas as discussões giram em torno da matéria divulgada ontem pelo Blog de que foi a oposição que divulgou o dossiê do governo contra o ex-presidente FHC.

 Leia aqui a íntegra do dossiê.

%d blogueiros gostam disto: