Brasil é exemplo em potência energética


Com cenário energético mundial acusando aumento dos preços dos combustíveis fósseis e do petróleo, atrelado com a preocupação ambiental pelas emissões de gases de efeito estufa (GEE), há necessidade de aumentar a participação de energias renováveis na matriz energética mundial e, ao mesmo tempo, promover o acesso universal às energias.

As projeções da Agência Internacional de Energia ainda indicam uma tendência de aumento no consumo de combustíveis fósseis, mas o papel das fontes renováveis, como a bioenergia, é crescente na matriz energética global. Uma indicação dessa contra-tendência, conforme indicou a sub-secretária Geral de Meio Ambiente, Energia, Ciência e Tecnologia do Departamento de Energia (MRE), Embaixadora Mariângela Rebuá, está no relatório “Ren21 – Renewables Global Status Report”, que registra aumento de 17% no investimento global em energias e combustíveis renováveis, alcançando 257 bilhões de dólares. “Se considerarmos os investimento em hidroeletricidade, o investimento líquido em energia elétrica em fontes renováveis ultrapassa os investimentos em fósseis”, afirma.

O Brasil busca promover o desenvolvimento sustentável e possui 86% de participação energética com renováveis. O sucesso do programa “Luz para todos” tem atraído atenção do mundo em desenvolvimento, em especial países sul-americanos e africanos, que querem conhecer o exemplo de ampliação do acesso à energia para replicá-los em seus contextos nacionais. O uso da bioenergia permitiria atingir os “Objetivos do Desenvolvimento Sustentável”, consagrados na Conferência Rio + 20, em junho de 2012. “O tema da energia, negligenciado nos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio, passou a ser central. Não há desenvolvimento sem energia e o desenvolvimento sustentável passa pelo fomento a fontes de bioenergia”, completa Rebuá.

Ainda segundo a Embaixadora, o desafio do país é quebrar o paradigma tecnológico. “O Brasil é o país da biomassa e pode produzir e co-gerar bioenergia de forma sustentável. Muito se fala que somos produtores da matéria-prima, que pode ser exportada. Porém, se houver investimento tecnológico, podemos fornecer ao mundo conhecimento e energia renovável em sua plena forma”, finaliza.

Confira o vídeo >> Mariângela Rebuá fala sobre bioenergia

 

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: