Literatura: a última carta do poeta García Lorca ao seu amante


A última carta de García Lorca, destinada a seu amante Juan Ramírez de Lucas e até então inédita, desperta o interesse das editoras espanholas. O documento mostra relatos íntimos dos últimos momentos em vida do poeta espanhol mais traduzido de todos os tempos.

Ramírez de Lucas (foto ao lado), que havia guardado o registro junto de um poema que Lorca havia lhe dedicado e um diário onde se falava sobre a relação dos dois, entregou os documentos à sua irmã antes de morrer, em 2010.

O teor íntimo dos documentos inéditos dividiu a família, que ainda não está certa se deve publicar ou não.

Escrita em 1936 em Granada, a carta expunha as intenções do poeta Frederico García Lorca em fugir com seu amado para o México. Porém, a Guerra Civil Espanhola impediu que os amantes se vissem novamente. O escritor morreu fuzilado um mês depois de escrever a carta.

Outra carta escrita por Lorca, endereçada dessa vez ao historiador e crítico literário Melchor Fernandez Almagro, onde ele expõe sua “missão poética”, havia sido vendida em 2007 por 19.200 libras (aproximadamente R$ 61.300).

Dramaturgo e poeta, García Lorca era ativista de esquerda, defensor da República e abertamente homossexual.

Cult

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: