Foxconn que produz equipamentos da Apple no Brasil pode parar


Mal começou a operar, a fábrica na qual a Foxconn está produzindo equipamentos da Apple em Jundiaí pode suspender suas atividades nos próximos dias. Segundo funcionários da Foxconn, a produção seria interrompida a partir do dia 20.

Não se sabem os motivos da possível paralisação, nem por quanto tempo a fábrica ficaria sem atividade. Entre os funcionários, a expectativa é de que sejam concedidas férias coletivas.

Segundo uma funcionária que não quis se identificar, a fábrica vem montando iPhones desde o mês passado. Não há previsão de quando a produção de iPads terá início. Há duas semanas, a Foxconn recebeu liberação do governo federal para produzir os tablets com incentivos fiscais, um ponto considerado essencial para o início da produção do iPad. Procurada pelo Valor, a assessoria de imprensa da Foxconn não foi encontrada.

A unidade destinada à produção da Apple – terceira fábrica da Foxconn em Jundiaí – começou a ser instalada em agosto de 2011. Segundo informações da Foxconn, divulgadas anteriormente nesta semana, as atividades atuais estão voltadas ao teste de maquinário e treinamento de pessoal, sem previsão de quando a fabrica começará a funcionar em escala comercial.

Há alguns dias os dois turnos de trabalho da fábrica foram unificados, no horário das 6 às 15 horas. Em visita à unidade, ontem, o Valor presenciou o fim do turno de trabalho e a saída de aproximadamente 800 pessoas em cerca de 20 ônibus fretados.

Segundo o Sindicato dos Metalúrgicos de Jundiaí, a informação oficial mais recente é de que 1,3 mil pessoas estariam trabalhando na fábrica. Evandro Santos, diretor do sindicato, afirma que o número pode ter mudado depois de alguns cortes feitos pela Foxconn. “Foram cortes normais, que costumam ser feitos por todas as empresas”, diz.

Nas conversas iniciais sobre a instalação da unidade, a Foxconn afirmou que o número total de empregados na fábrica poderia chegar a 6 mil pessoas, de acordo com o prefeito de Jundiaí, Miguel Haddad. A Foxconn é atualmente o maior empregador de Jundiaí em número de pessoas, com cerca de 4 mil funcionários ao todo.

valôr Econõmico

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: