Morte de Whitney Houston pode ter sido afogamento


A cantora e atriz Whitney Houston morreu neste sábado aos 48 anos. Sua morte foi confirmada por sua publicista, Kristen Foster. A causa de sua morte ainda é desconhecida.

Uma investigação inicial aponta que a causa da morte de Whitney pode ter sido afogamento – a cantora foi encontrada morta na banheira no último sábado (11).  No quarto do hotel não foram encontradas drogas e bebidas alcoólicas. Policiais disseram ao site “TMZ” que localizaram apenas frascos e cápsulas de remédios.

Paramédicos retiraram o corpo de Whitney Houston do hotel Beverly Hilton, em Beverly Hills, durante a madrugada deste domingo (12) e levaram para o necrotério onde será realizada a autopsia.

O capitão Brian Elias, do escritório de investigação de Los Angeles, disse que os exames para detectar a causa da morte ainda não foram agendados e que os investigadores estão aguardando os relatórios antes que a autopsia possa ser conduzida. A informação é da agência de notícias Associated Press.

Houston gravou uma série de hits nos anos 80 e 90 e ficou mundialmente conhecida pelo filme “O guarda-costas”, em que interpretava o papel principal. Ela era considerada a grande influência de uma geração de novas cantoras como Christina Aguilera e Mariah Carey.
Nos últimos anos de sua carreira, a cantora enfrentou problemas com drogas e em um casamento tumultuado com o cantos de rap Bobby Brown.

x1y31d_whitney-houston-i-have-nothing_music

Dias atrás saiu a informação que que a cantora Whitney Houston, 48, havia superado o vício em cocaína e em crack, mas acabou gastando toda a sua fortuna e que agora estava sendo ajudada financeiramente pela sua gravadora Arista, que lhe deu um adiantamento para seu próximo álbum.

“A fortuna de Whitney desapareceu. O pessoal da indústria musical está a ajudando. Sua gravadora adiantou o pagamento de seu próximo álbum, mas ninguém sabe quando ele vai ser lançado … Ela poderia ficar sem casa se as pessoas não tentassem salvá-la. Ela está quebrada mesmo!”, uma fonte disse ao “RadarOnline”. Houston já esteve no topo da lista da revista “Forbes” como uma das artistas mais poderosas e ricas do mundo na década de 1990.

Acredita-se que Whitney teve que recorrer também aos amigos para arranjar pequenos empréstimos. A fonte acrescentou: “Ela ligou para alguém para pedir 100 dólares. É tão triste! Ela deveria ter o dinheiro que Mariah Carey tem, mas ela está falida.” Em agosto de 2001, Whitney assinou o maior acordo recorde na história da música até o momento com a Arista / BMG, renovando seu contrato com a gravadora por 100 milhões dólares para entregar seis novos álbuns. Ela lançou seu último LP ‘I Look to You’ em agosto de 2009.

Biografia:

Inspirada por vários cantores de “Soul Music” de destaque em sua família, incluindo a mãe Cissy Houston, primos Dionne Warwick e Dee Dee Warwick, bem como sua madrinha, Aretha Franklin”, Houston começou a cantar com o coral gospel júnior da Nova igreja de Jersey aos 11 anos de idade. Depois que ela começou a atuar ao lado de sua mãe em casas noturnas na cidade de Nova York, ela foi descoberta por Clive Davis, empresário da Arista Records. Até o presente, Houston lançou seis álbuns de estúdio três álbuns detrilha sonora, todos eles certificados com diamante, multi-platina, platina e ouro pela Recording Industry Association of America.

Seu álbum de estreia “Whitney Houston”, lançado em 1985, se tornou o álbum de estreia mais vendido por uma artista feminina, com 25 milhões de cópias comercializadas. Seu segundo álbum ” Whitney ” (1987), tornou-se o primeiro álbum de uma artista feminina a estrear em primeiro lugar na Bilboard 200.Whitney emplacou grandes sucessos nas paradas de música popular, bem como sua proeminência na MTV, começando com seu vídeo de “How Will I Know”, permitiu várias artistas femininas afro=americanas seguirem em seu sucesso.

O primeiro papel de Houston no cinema foi no filme O Guarda-Costas (1992), no qual fez um enorme sucesso como protagonista. A trilha sonora original do filme ganhou o Grammy 1994 de “Álbum do Ano”. Seu primeiro single, “I Will Always Love You“, se tornou o mais vendido por uma artista feminina na história da música. O álbum é o único de uma artista feminina entre os cinco mais vendidos de todos os tempos, ocupando o quarto lugar.

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: