Goleiro Bruno se separa e já fala em novo casamento mesmo na prisão


Depois de cinco meses de negociações, o ex-goleiro do Flamengo Bruno Fernandes de Souza separa-se oficialmente de Dayanne Rodrigues do Carmo Souza, com quem tem duas filhas, uma de cinco e outra de três anos.

O advogado de Dayanne, Francisco Simim, protocolou na tarde desta quarta-feira (23) os papéis da separação que devem ser homologados por um juiz da Vara de Família nos próximos dias. Com a separação, Bruno fica livre para casar-se com sua noiva, a dentista Ingrid Calheiros, com quem mantém um relacionamento desde quando ainda convivia com Dayanne.

“Há cinco meses tratamos deste assunto. Vimos a melhor forma de tratar de maneira consensual. Será um divórcio direto, ou seja, o juiz homologando, Bruno já pode marcar o casamento com a Ingrid”, explicou o advogado de Dayanne.

Simim disse que pelo acordo do divórcio cada uma das duas filhas receberá dois salários mínimos de pensão. Duas casas na região da Pampulha, em Belo Horizonte não entraram formalmente nos documentos da separação, mas já está acertado que cada um dos imóveis ficará com uma das partes: um com a mãe de Dayanne e o outro com a avô de Bruno.

Um sítio em Esmeraldas, na Grande Belo Horizonte, avaliado em aproximadamente R$ 800 mil também será repartido após a venda. Foi neste sítio que a ex-amante de Bruno, Eliza Samúdio, teria ficado em cativeiro antes de desaparecer. Bruno aguarda julgamento pelo envolvimento no desaparecimento na Penitenciária de Segurança Máxima Nelson Hungria, em Contagem, também na Grande Belo Horizonte.

Dayanne também é acusada de participação no desaparecimento de Eliza. Ela cuidou do filho de Bruno com a modelo, Bruninho, no período posterior ao desaparecimento de Eliza.

Dayanne tem trabalhado como professora particular. Ela visita frequentemente Bruno com as filhas e teria, recentemente, contado ao atleta que está grávida de um namorado. Ela não foi encontrada para comentar a suposta gravidez. Dayanne mantém uma boa relação com Bruno, apesar de constantes traições do marido. “A Dayanne me ajudou muito, é uma grande mulher. Ela me ajudou muito profissionalmente”, diz sempre Bruno a quem o visita na cadeia.

Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: