Porto Alegre: Linha da Pequena Empresa começou hoje


 

O Linha da Pequena Empresa, projeto que levará formalização, capacitação profissional e microcrédito aos bairros de Porto Alegre, começou a operar nesta segunda-feira, 4 , no bairro Sarandi. O ônibus ficou estacionado na Associação Porto Seco (Av. Plínio Kroeff, n° 1.000).

O projeto é realizado através de uma parceria entre a prefeitura de Porto Alegre, através da Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic), e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/RS). A iniciativa inédita percorrerá durante todo o ano 37 bairros da Capital, levando o empreendedorismo para onde o cliente estiver.

O projeto é uma forma de expandir o atendimento da Smic e do Sebrae/RS. Escolhidos com base no número de habitantes, os locais representam 75% da população de Porto Alegre. Portanto, o espectro é bem significativo para os objetivos traçados pelos idealizadores. O ônibus terá um técnico de cada entidade à disposição do público, com os seguintes serviços: orientação sobre gestão empresarial, formalização de pequenos negócios, microcrédito, alvarás e licenças municipais, além de pequenas assessorias em grupos e a possibilidade de concretizar, no local, a formalização como Empreendedor Individual

A pequena empresa é a maior empregadora do país e, no conjunto, a verdadeira força motriz da economia nacional, mas ainda sofre com a escassez de crédito, a burocracia e as dificuldades naturais do mercado. Por isso, a importância de se criar condições para a formalização do empreendedor, bem como trabalhar para a sua sobrevivência e crescimento. Acredito na parceria dos governos com o Sebrae, porque cabe a nós, juntos, criarmos o meio ambiente favorável ao nascimento e sucesso das pequenas empresas?, analisa o titular da Smic, Valter Nagelstein.

O atendimento no ônibus será de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h. Começa no dia 4 de abril, no bairro Sarandi, mas até o final do ano os empresários e candidatos a empresários podem procurar o serviço, pois a cobertura de áreas da Capital será bem ampla. Uma das metas desse trabalho é aumentar o número de Empreendedores Individuais, chegando a 103.500 até o final de 2011 no Estado. Existe a possibilidade de a Linha da Pequena Empresa ser prorrogada por mais um ano.
Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: