Revista IstoÉ usa capa descartada pela Época em 2009


A capa desta semana da revista IstoÉ, sobre o triunfo das autoridades frente ao crime organizado no Rio de Janeiro (RJ), mostra uma curiosa coincidência. A imagem do Cristo Redentor vestido com um colete à prova de balas e com um cinto peitoral de balas de fuzil, já tinha sido pensada por outra publicação, a Época.
Em setembro de 2009, quando a violência no Rio de Janeiro foi capa da Época, colocar um colete no Cristo chegou a ser cogitado pela publicação, conforme exposto no blog Faz Caber, que mostra as idéias descartadas. Lá está o Cristo paramentado feito um policial, mas com capacete, diferenciando neste detalhe da capa da IstoÉ dessa semana.
Reprodução
Capas IstoÉ e Época

O diretor de arte da IstoÉ, João Carlos Alvarenga, achou curiosa a coincidência e disse desconhecer completamente a ideia da outra publicação, “ainda mais que ela nem foi publicada”.
“Eu não vi essa capa, senão eu não teria feito. Tivemos a mesma ideia, e não é uma ideia tão inédita, eu até fiz outras, fiz sete opções de capa”, contou. “Usar o Cristo é uma coisa que todo mundo poderia fazer, já que Ele é um símbolo do Rio”, explicou. “É contra a minha ética, foi uma coincidência mesmo”, garantiu o diretor.
Portal Imprensa
Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: