Arquivo do dia: junho 1, 2010

Banco sofre 26 tentativas de invasão no sistema por minuto

Há um batalhão de hackers atrás dos clientes dos bancos

Um banco como o Bradesco sofre 26 tentativas de invasão de seu sistema por minuto – foram 14 milhões nos últimos 12 meses.

O Bradesco integra o ranking mundial das companhias mais visadas e, no Brasil, é seguido na preferência dos hackers por quatro de seus rivais – Banco do Brasil, Santander, Itaú Unibanco e Caixa -, segundo levantamento feito pela empresa russa de software antivírus Kaspersky, a pedido do Valor.

“Os casos mais comuns são de mensagens falsas se passando por um pedido de atualização de cadastro”, afirma Fabio Assolini, analista da Kaspersky . Ele estima que, no Brasil, as fraudes na internet causem prejuízo aos bancos de US$ 75 milhões a US$ 100 milhões por ano.

Valor

Morre secretário da Copa de 2014

Morreu nesta terça-feira, vitima de uma parada cardíaca, o secretário extraordinário gaúcho da Copa do Mundo 2014, Ricardo Seibel de Freitas Lima. Ele havia assumido há pouco tempo a pasta e foi encontrado morto em um hotel em Brasília.

Freitas Lima, de 35 anos, tinha reuniões marcadas para o turno da manhã, mas não compareceu aos encontros. A Polícia Civil e representantes do governo do gaúcho estão no local. Ainda não está definindo quando ocorrerá o sepultamento. Ele embarcaria para a África do Sul na próxima semana.

O secretário tinha forte ligação com o futebol. Ele era filho de Raul Régis de Freitas Lima, atual presidente do conselho deliberativo do Grêmio.

“Recebi, de Paulo Odone, nosso ex-secretário da Copa do Mundo, a notícia do trágico falecimento do nosso secretário da Copa do Mundo, o querido jovem Ricardo, em Brasília. Todas as providências estão sendo tomadas pela representação do governo do Estado em Brasília. Na verdade, o Governo todo está consternado”, disse em nota a governadora Yeda Crusius.

Desde a criação da Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo 2014, Freitas Lima atuou como coordenador de sua Assessoria Jurídica e, depois, tornou-se titular da pasta.

Perfil

Mestre em Direito pela UFRGS, ele ingressou na carreira de procurador do Estado em dezembro de 1998. Foi coordenador da Procuradoria de Execuções e Precatórios, do projeto de modernização da PGE e da Procuradoria de Informação, Documentação e Aperfeiçoamento Profissional.

Integrou o Conselho Superior e o Conselho Editorial da Revista da PGE. Recentemente, atuou nas ações trabalhistas em que a PGE obteve reduções milionárias em favor da CEEE e participou da negociação do contrato de US$ 1,1 bilhão firmado pelo Estado com o Banco Mundial.

Desde a criação da Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo 2014, atuou como coordenador de sua assessoria jurídica e, depois, tornou-se titular da pasta.

Valter Junior

Chico Xavier no logo da Copa 2014

Chico Xavier no logo da Copa:

Estádios da Copa do Mundo de 2014 serão elefantes brancos

Os 12 estádios que serão palco da Copa do Mundo de 2014 podem virar elefantes brancos sem um plano de negócios

Os 12 estádios que serão palco da Copa do Mundo de 2014 podem virar elefantes brancos sem um plano de negócios que amplie as fontes de recursos e dobre o número de torcedores, revela estudo da consultoria especializada Crowe Horwath RCS.

Para dar lucro, um estádio no Brasil com cerca de 50 mil lugares e custo médio de construção de R$ 500 milhões (padrão Fifa) precisa gerar receitas líquidas anuais a partir de R$ 10 milhões por até 20 anos. Para isso, a taxa de ocupação dos estádios teria de subir dos atuais 40%, alcançados no campeonato brasileiro de 2009, para os 80% a 90% registrados nas competições da Europa.

Valor

Copa de 2014 já tem logotipo

Símbolo foi escolhido por personalidades como Oscar Niemayer, Paulo Coelho, Ivete Sangalo, Gisele Bündchen e Hans Donner

Com informações do Terra

thumb_logo_colorido_da_copa_2014_foi_escolhido_por_notaveis,_diz_site_162010-113749-1.jpg

A Copa do Mundo de 2014 já tem seu logotipo. O símbolo, definido pela Fifa, é constituído de três mãos que formam a taça do Mundial e o ano da Copa. A primeira imagem divulgada do logotipo era em preto e branco, que contava com o escrito “Brazil” abaixo do símbolo. O logotipo final, porém, deve ser verde e amarelo, com os números escritos em vermelho, destacando o ano do Mundial.

A logomarca foi escolhida por uma equipe composrta pelo presidente da CBF e chefe do comitê organizador da Copa de 2014, Ricardo Teixeira, o secretário da Fifa Jerome Valcke, Oscar Niemayer, Paulo Coelho, Ivete Sangalo, Gisele Bündchen e Hans Donner. Além do símbolo escolhido, outras seis imagens fizeram parte da votação.

O anúncio oficial será realizado no dia 8 de julho, três dias antes da final da Copa da África do Sul. A marca será lançada em um teatro no país da Copa de 2010.

Bolsa Família para 46 mil moradores de rua

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome vai começar a distribuir o Bolsa Família para 46.078 moradores de rua identificados nas cidades brasileiras com mais de 300 mil habitantes. Com base em levantamento feito pelo IBGE, cerca de 300 mil bolsas serão destinadas a eles e a quilombolas, ribeirinhos e indígenas. O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome já atende a população de rua em um programa piloto em Belo Horizonte. A ideia do governo é atacar esses “bolsões de pobreza” agora de forma mais consistente. Hoje, 12,4 milhões de famílias (49 milhões de pessoas) recebem Bolsa Família.

O governo admite que é mais difícil cadastrar e acompanhar essas populações, porque todos os beneficiários têm que ter um endereço fixo para referência. No caso das populações de rua, os Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e os Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAs) poderão ser as referências desses beneficiários. Mas valerá até um abrigo ou restaurante popular que frequentem.

– Há uma preocupação com o cadastramento para que possamos acompanhá-los. Muitos casos também têm que ser atendidos pelo serviço de saúde, por estarem associados à dependência química e a transtornos mentais – disse a ministra Márcia Lopes.

As contrapartidas valerão para todos. Em caso de famílias com crianças, elas têm que ser assíduas na escola e ter acompanhamento médico. Grávidas são obrigadas a fazer o pré-natal. Para cada criança na escola, o benefício é ampliado. O beneficiário também pode ser sozinho. Neste caso, ganha a renda básica de R$ 68 mensais.

Mais acesso a serviços e menos analfabetismo

Nesta segunda-feira, o ministério informou que houve uma melhora no acesso dos participantes do programa a saneamento e abastecimento de água. Em setembro do ano passado, 65,7% dos beneficiários contavam com água encanada e 54,2%, com rede de esgoto ou fossa séptica. Em 2005, esses percentuais eram de 63,7% e 50,6%, respectivamente. Ainda assim, se comparada à cobertura média no país, o atendimento ainda é baixo.

A baixa escolaridade também é regra entre os receptores do benefício do governo. Ao todo, 82,1% dos beneficiários ou são analfabetos ou não concluíram o ensino fundamental. Enquanto entre os atendidos pelo Bolsa Família a taxa de analfabetismo chega a 16,7%, no Brasil é de 9%. Entre 2007 e 2009, no entanto, o número de responsáveis pela família que não sabiam ler caiu de 17,3% para 13,1%. Também houve aumento no número de beneficiários que procuraram se matricular no ensino médio para retomar seus estudos de 13,2% para 17,6%.

A renda dos beneficiários também aumentou, em média, de R$ 48,69 por pessoa da família (antes de começar a receber a bolsa) para R$ 72,42. São famílias que saíram da extrema pobreza (R$ 70 por pessoa da família), mas permanecem pobres (R$ 140 por pessoa da família).

As maiores torcidas do Brasil segundo o IBOPE



Uma nova pesquisa sobre torcidas de futebol no Brasil divulgada na última semana voltou a apontar que o Grêmio possui a maior torcida do Sul do País e a sexta em todo o Brasil.

A afirmação é do Instituto Análise/Insight Comunicação que realizou 9 mil entrevistas pessoais e domiciliares entre os meses de abril e dezembro do ano passado, em 70 cidades, abrangendo todas as regiões metropolitanas e o interior do país.

O Grêmio ficou com 5% da preferência dos entrevistados representando 9,5 milhões de torcedores no território nacional. Logo a seguir vem o Internacional que apresenta 3% de preferência contabilizando 5,7 milhões de torcedores.

A amostra representa a população adulta brasileira, a partir dos 16 anos, e inclui as classes A, B, C, D e E.

O Flamengo encabeça a pesquisa com 22% (30,4 milhões de torcedores) contra 17% de corintianos (23,5 milhões) e 11% de são-paulinos. Palmeiras tem 9% e Vasco 6%.

A pesquisa apontou também que 6% torcem apenas para Seleção Brasileira.

IBOPE/RD1

Copa na TV paga terá atraso de 2 segundos

https://i2.wp.com/3.bp.blogspot.com/_dChYNXwjPIw/SwSlFjWyPCI/AAAAAAAAGFA/cOjRelgSLyc/s400/Logotiposouthafrica2010.jpg

As operadoras de TV paga garantem que o telespectador que assistir à Copa nos canais da TV paga receberão o sinal apenas dois segundos depois que os da TV aberta.
Essa será o tempo de “vantagem” que mais de 45 milhões de lares brasileiros terão nas próximas semanas sobre os “felizardos” 6 milhões de lares com TV paga (cabo, satélite, ondas etc).

Segundo a Net, mesmo os assinantes do serviço HD Max, TV por alta definição, não terão o chamado “delay” além de dois segundos. Na TV paga a Copa africana será exibida nos canais Spor TV, ESPN e Band Sports.

Ferreira Gullar ganha o prêmio Camões 2010

O prêmio Camões 2010 foi hoje atribuído ao poeta brasileiro Ferreira Gullar. O júri não tinha ainda conseguido comunicar ao premiado que ele foi distinguido com o galardão. Gullar foi escolhido pela “nota pessoal de lirismo” e “valores universais” no seu trabalho.

A decisão foi anunciada numa conferência de imprensa ao final da tarde de ntem no Hotel Tivoli, em Lisboa, pela ministra da Cultura, Gabriela Canavilhas. O júri esteve reunido em Lisboa, por duas horas, e a decisão foi tomada por maioria.

Helena Buescu, (professora catedratica da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), José Carlos Seabra Pereira (professor associado da Universidade de Coimbra), Inocência Mata (escritora santomense e professora da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), Luís Carlos Patraquim (escritor e jornalista moçambicano), Antonio Carlos Secchin (escritor e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro) e a escritora brasileira Edla van Steen foram os jurados deste prêmio.

Esta é a 22ª edição do Prémio Camões, atribuído pelo Estado Português e Brasileiro desde 1989, que distingue anualmente um escritor de língua portuguesa que, pelo conjunto da sua obra, contribua para o enriquecimento do património literário em português. O valor do prêmio é de cem mil euros (50 mil euros pagos por Portugal e quantia identica paga pelo Brasil) e será entregue em data a ser anunciada em Lisboa
.

Jornal Público/Portugal

Amantes de padres pedem ao Papa fim do celibato

imagem meramente ilustrativa

Stefania Salomone, uma funcionária administrativa de Roma com 42 anos, já teve duas relações com padres católicos.

Ela decidiu criar um site para encontrar mulheres com a mesma experiência e hoje está em contato com cinco dezenas: 40 assinaram uma carta aberta dirigida ao Papa Bento XVI para lhe pedir o fim do celibato obrigatório.

Se dizem “mulheres de todas as partes de Itália que estiveram ou estão numa relação com um padre ou um religioso”, habituadas a viver “em segredo” e a experimentar “diariamente as dúvidas, os medos e as inseguranças dos nossos homens”. Um padre, escrevem estas italianas, “precisa de viver com os outros seres humanos, experimentar sentimentos, amar e ser amado”.

A carta está na Internet desde o fim de Março, quando o tema do celibato voltou à agenda do Vaticano a propósito das denúncias de abusos sexuais. A ideia de escrever ao Papa surgiu depois de Bento XVI  ter reafirmado “o valor sagrado do celibato”.

A obrigatoriedade do celibato, dizem as 40 mulheres, não é uma lei divina, mesmo que a Igreja a apresente como “vontade de Deus”. É antes uma “regra humana”, introduzida por “razões de interesse econômico e de conveniência”, que não se encaixa na vida de muitos padres e faz com que a maioria destas relações acabe “em vergonha”. É por saberem isso que elas pedem a Bento XVI para admitir que talvez estes homens só consigam cumprir plenamente os seus deveres de padres quando as suas vidas forem completadas com o casamento

A missiva foi  traduzida e publicada em sites espanhóis e ingleses e noticiada pela agência on-line GlobalPost. Apesar de o texto ser apoiado por 40 mulheres, apenas três signatárias publicaram os seus nomes. Para além de Stefania Salomone, assinam Antonella Carisio, de 41 anos, e Maria Grazia Filippucci. O Vaticano recusa comentar.
Quando descobertos, os padres tendem a abandonar as mulheres, sendo-lhes muito difícil deixar a Igreja.

Um anel de noivado

Antonella Carisio conta ter tido um caso com um padre brasileiro que dormia frequentemente em sua casa. Edecir Calegari, que conheceu quando ambos geriam o centro de juventude da sua paróquia, quis até ser apresentado ao filho dela e ao resto da família como seu companheiro. A relação acabou por ser descoberta e denunciada por outro padre e o seu amante foi transferido para Roma: “Quando ele se foi embora até me deu um anel de noivado”.

Entretanto, Calegari regressou ao Brasil como missionário, algo que prometera nunca fazer. Carisio “era uma amiga e uma confidente, mas nunca estive apaixonado por ela”, diz o padre, questionado pela GlobalPost. Calegari afirma lamentar “profundamente” o que aconteceu e garante que defende o celibato.

Mas também há os que escolhem as mulheres: segundo a revista La Civiltà Cattolica, desde o Concílio Vaticano II (1962-65) perto de 60 mil padres deixaram a Igreja para casar.

Publico/PT

%d blogueiros gostam disto: