Arquivo do dia: abril 21, 2010

MPF investiga apresentador que ofendeu estudante do PR

José Carlos Stachowiak (Zeca)

Depois de ser ameaçado no ar pelo apresentador Zeca, do programa “RP2”, da TV Vila Velha, no Paraná, o estudante de jornalismo Lucas Waricoda registrou uma queixa-crime contra o apresentador.

No dia 9 de abril, Zeca xingou e ameaçou o estudante do 2º ano da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) que produziu texto acadêmico criticando o conteúdo “sensacionalista” do programa.

O artigo, que foi postado num blog universitário, fazia parte de um trabalho para a disciplina “Crítica de Mídia”.

“Quando eu te pegar, se eu te pegar, você tá f…”, disse o apresentador.

Segundo o site juridico Última Instância, além da queixa-crime, o departamento jurídico da UEPG vai encaminhar uma representação ao Ministério Público do Estado e acionar a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), por conta do sinal da TV Vila Velha, que permitiu a veiculação das ameaças.

Atualizando: O Ministério Público Federal (MPF) de Ponta Grossa (PR) anunciou, nesta sexta-feira,  que instaurou Procedimento Administrativo para apurar o caso do apresentador José Carlos Stachowiak, conhecido como Zeca, que ofendeu estudante de Jornalismo durante edição de seu programa, o “Rádio Patrulha 2”, veiculado pela TV Vila Velha.

Em entrevista ao Portal IMPRENSA, Zeca declarou que se “excedeu”. “Me excedi nos comentários, na hora me senti muito ofendido e falei o que veio à cabeça”, explicou.

No entendimento do MPF, o apresentador teria respondido ao texto do estudante de “forma agressiva, ofensiva e desproporcional”. Por tratar-se de concessão pública, cabe avaliação da conduta de Zeca.

Na ação, apura-se “possível abuso no exercício da liberdade de radiodifusão (…) e delitos de injúria e ameaça”, o que caracteriza infração às normas à prestação de serviços de radiodifusão.

O processo foi aberto a partir da manifestação da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Deputados, por meio da Coordenação da Campanha ‘Quem financia a baixaria é contra a cidadania’; e por consideração às notas de repúdio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (Sindijor-PR) e da Sociedade Direitos Humanos para a Paz (DHPAZ) e do Grupo Tortura Nunca Mais do Paraná.

O MPF requisitou, ainda, que a TV Vila Velha envie cópia da edição do dia 31 de março do programa “RP2” e satisfações da direção da emissora a respeito do caso.

Caso sejam comprovadas as supostas infrações listadas pelo MPF, o apresentador pode cumprir suspensão de até trinta dias. Em casos mais extremos, de reincidência, a própria emissora pode sofrer sanções e, eventualmente, ter o programa cassado.

Portal  Imprensa

O namorado brasileiro de Ricky Martin

André Santos revelou ter vivido um romance com o cantor em meados de 1996.
Segundo Andre, na época ele era ritmista da Madureira em 1996, quando o cantor passou pelo Rio de Janeiro. Os dois se conheceram no Carnaval e, durante uma festa no Copacabana Palace, Ricky Martin se declarou.

A partir de então, os dois ficaram juntos e André chegou a visitar a o astro nos Estados Unidos e tirou fotos em frente à mansão em que ele mora.

Com o tempo, o romance foi esfriando. Principalmente porque Ricky tinha medo de revelar sua preferência sexual para o mundo. André diz que “Ainda hoje nos falamos por telefone. Eu ligo pro celular dele a cobrar. Ficou uma grande amizade”… mas hoje o ritmista é casado com uma mulher.

André compareceu no SuperPop da Luciana Gimenez se vangloriando do feito…

Deixou no ar que aceita de pronto posar para a G-Magazine mesmo sem ter ainda recebido convite formal.sua lógica ‘ninguém paga suas contas’…

Até postou vídeo no YouTube com fotos e afirma que aguarda que as pessoas comentem…

Alexandre Pato e Sthefany Brito estão separados

Nove meses e 13 dias. Esse foi o tempo que durou o conto de fadas vivido por Sthefany Brito e Alexandre Pato. A atriz e o jogador de futebol, que se casaram com uma festança avaliada em R$ 1 milhão de reais no Copacabana Palace no dia 7 de julho do ano passado, não conseguiram superar a crise na relação e decidiram colocar um ponto final na união.

Pato deixou o apartamento que dividia com a mulher em Milão, na Itália, e está, temporariamente, num hotel. Sandra, mãe de Sthefany, continua no país e está ajudando a filha a superar o mau momento. Aos amigos mais íntimos, a atriz disse que está resolvendo alguns problemas pessoais em Milão para voltar, o mais rápido possível, ao Brasil. O caos aéreo na Europa também é um fator que dificulta a volta de Sthefany e Sandra ao Rio.

No último dia 7, o jornalista do EXTRA Gilmar Ferreira publicou em sua coluna “Futebol, coisa e tal” que o atacante do Milan havia virado figurinha fácil na noite milanesa, muitas vezes na companhia de Ronaldinho Gaúcho. A mulher do craque, é claro, passou a ficar irritada com as saídas do marido, já que ele havia pedido que ela deixasse o trabalho para acompanhá-lo na Itália. Era de Sthefany o papel de Cecília Dassi em “Viver a vida”, mas a jovem desistiu da novela em nome do casamento.

Sthefany sai do casamento sem nada. Ela e Pato se uniram através de um contrato de separação total de bens. Amigos contam que, durante a preparação do casório, Pato disse a Sthefany que eles poderiam casar em regime de comunhão de bens. Mas, de repente, surgiu um advogado que orientou a mudança no contrato. A justificativa dele: “Se está casando por amor tanto faz”. A moça ficou magoada com a conversa, mas, apaixonada, aceitou a nova condição do atleta.

Com sete novelas no currículo, Sthefany tem contrato com a TV Globo até a metade deste ano. Antes do fim do casamento, a atriz pensava em se dedicar apenas a minisséries para não ficar muito tempo longe de casa e do marido. Com a nova vida, no entanto, Sthefany deve dar as caras na TV o quanto antes.

%d blogueiros gostam disto: