Brasileira do “ataque neonazista” é condenada


Terminou o julgamento da brasileira Paula Oliveira, 27 anos, que simulou ter sido vítima de um ataque neonazista em Zurique, Suíça, em fevereiro de 2007. Paula foi condenada a pagar multa de 10.800 francos, em torno de R$ 18 mil. As informações foram dadas pelo jornal suíço ’20min’.

A brasileira já havia sido submetida a tratamentos psicológicos que custaram, aproximadamente, 20 mil francos. A acusada estava vestida de preto e acompanhada de seu pai no julgamento. Ela respondia ao juiz com a ajuda de um intérprete.

De acordo com o jornal, o advogado da brasileira pediu no tribunal do distrito de Zurique a absolvição de Paula, ao afirmar que ela não pode ser considerada responsável por seus atos e declarações.

Segundo a defesa, Paula sofre transtornos neuropsicológicos provocados por uma doença autoinmune, o lúpus sistêmico.

A avaliação psiquiátrica apresentada ao juiz considerava que a responsabilidade da jovem era de nível médio.

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: