Arquivo do dia: maio 26, 2009

Justiça condena Netinho a pagar 30 mil a Vesgo

A Justiça do Estado do Rio de Janeiro condenou o apresentador Netinho de Paula a pagar R$ 30 mil de indenização ao repórter Vesgo do programa “Pânico”, da RedeTV!.

A indenização por danos morais ocorre devido ao episódio no qual Netinho deu um soco em Vesgo durante o evento de entrega do troféu Raça Negra em São Paulo em 2005.

A sentença considera que não houve razão para a agressão e que Vesgo foi ferido não apenas fisicamente, “mas, sobretudo, psicologicamente pelo abalo à sua imagem profissional”.

A assessoria de imprensa de Netinho informou que o apresentador, que também é vereador na cidade de São Paulo, ainda não foi notificado e que deve recorrer.

Netinho voltou recentemente à TV e apresenta no SBT o “Show da Gente” nas tardes de sábado.

Mike Tyson perde filha em acidente doméstico

foto de 2006

A filha de quatro anos do ex-boxeador Mike Tyson, Exodus Tyson, morreu após ser vítima de uma acidente doméstico, informou a agência Associated Press.

A menina foi encontrada pelo irmão de sete anos com o pescoço enrolado num cabo de um aparelho de ginástica.

O irmão de Exodus avisou a mãe, que estava em outro quarto. Ela ligou para a emergência e tentou reanimar a filha. A menina estava internada no hospital St. Joseph’s, em Phoenix, no Arizona, em condição crítica.

Mike Tyson estava em Las Vegas, no Estado americano de Nevada, na hora do acidente. Assim que soube do ocorrido, voltou para Phoenix.

O ex-boxeador não deu declarações sobre o assunto. Uma empresa de relações públicas que o representa divulgou um comunicado em nome da família, em que os Tyson agradecem pelo apoio e pedem respeito à sua privacidade.

Brasil tem 1 computador para cada 3 habitantes

O Brasil tem cerca de 60 milhões de computadores, uma média de um PC para cada três habitantes, segundo dados da 20ª Pesquisa Anual do Uso de Informática, feita pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), e revelada nesta terça-feira pelo IDG Now.

As vendas de PCs no país em 2008, no entanto, ficaram abaixo das projeções feitas pela FGV na 19ª edição da pesquisa. enquanto a entidade projetava vendas de 13,3 milhões, os números indicaram 12,2 milhões, ainda assim um aumento de 16% em relação a 2007. A FGV acredita que até 2012 o país terá 100 milhões de computadores.

O mesmo estudo traçou um perfil das máquinas instaladas nas empresas brasileiras, comprovando o domínio da Microsoft. A empresa de Bill Gates está presente em 97% dos computadores com alguma versão do Windows e em 92% com o pacote Office.

Polícia acha crack com menina de 10 anos

Dezoito pedras de crack foram encontradas dentro da calcinha de uma menina de apenas dez anos em Chapecó, interior de Santa Catarina, na madrugada de ontem. Os pais da garota devem ser indiciados por tráfico de drogas.

O delegado Cláudio Menezes Vieira revelou que a polícia foi até a residência da família após uma denúncia anônima e, uma vez dentro do imóvel, não encontraram nada, mas suspeitaram da atitude da jovem.

A droga foi encontrada durante revista feita por conselheiros tutelares e a garota foi levada ao Hospital Regional do Oeste e submetida a exames, que não constataram nenhuma lesão corporal.

Ela disse ter escondido a droga porque ficou com medo de que seus pais fossem presos. Ela está agora sob responsabilidade do Conselho Tutelar, mas o delegado já encaminhou ao Ministério Público um pedido de perda do pátrio poder dos pais da menina.

JP

Rita Lee lança CD e DVD

Fernanda Brambilla, do jornal da Tarde fez esta matéria com Rita Lee:

Rita Lee já foi contestadora, rebelde, ovelha negra em letra e música. Hoje sexagenária, a cantora mantém a cabeleira vermelha brilhante, mas a ex-Mutante está mais amolecida do que polêmica, tão divertida quanto ranzinza e lança CD e DVD gravados ao vivo em meio às próprias contradições, mesmo depois de ultrapassar os 40 anos de carreira.

Coisa da idade? Não, segundo ela, sua idade é de criança. “Estou com três anos e meio. O nascimento da Ziza (a neta) foi um marco zero na minha vida”, diz a avó Rita Lee na entrevista que concedeu por e-mail ao JT.

Se por um lado Rita Lee se diz realizada no palco, toda felicidade é desmistificada ao admitir, ainda hoje, que cogita ‘acabar com Rita Lee’ para fazer qualquer outra coisa da vida. “‘Acabar’ no sentido de mudar de profissão, sim, penso nisso todos os dias, desde que comecei”, afirma a cantora.

O radicalismo prossegue no hábito que tem de não se ouvir mais do que o extremo necessário. “Nada meu que já foi mixado em imagem ou som eu gosto”, justifica a artista, que se julga perfeccionista e super CDF.

Do rótulo de artista contestadora ela também desdenha: “A única causa da qual sempre carreguei bandeira é a da defesa dos animais, mesmo assim, faço longe dos holofotes”, afirma Rita. “Aliás, existe alguém mais chato do que o Bono Vox?”

Ultimamente  qualquer banda é suficiente para irritar os ouvidos exigentes de Rita Lee. A cantora só escuta música instrumental, das clássicas ao jazz, das eletrônicas ao new age, sem palavra falada ou cantada.

Mas Rita Lee não é toda ranzinza e isso bem se vê ao vivo. Em frente a uma plateia lotada que a acompanha a cada verso, ela se envaidece e conta que se sente muito melhor do que aos 30. “Balzaquiana, achei que estava no fim da vida. Me olhava no espelho e via madre Teresa de Calcutá. Uma coisa terrível”, diz do alto do palco do Vivo Rio, na gravação ao vivo. Mas isso passou e, hoje, ela se sente toda faceira. “Eis-me aqui, aos 63 anos de idade, toda brejeira. Afinal, rock não é mesmo coisa para maricas.”

É também no palco que ela curte a autoimagem. Rita se acha ‘gordinha’, ‘bunduda’, ‘coxuda’. “Eu odeio ser gostosa”, se diverte durante o show, e provoca o público: “É que eu sou meio machinho.”

Mas a melhor prova de que Rita Lee está longe do fim ela dá ao vivo, em sua reverência a Chuck Berry, com Roll Over Beethoven. “Aos 80 anos, ele está lá, fazendo shows com aquele passinho de ganso.”

A paulista Rita Lee escolheu um palco carioca para a gravação do CD e do DVD ao vivo do Multishow. O repertório mescla hits e sucessos antigos como “Cor de rosa choque”, “Vingativa”, “Mutante”, e as inéditas “Tão” e “Insônia”. Na gravação, “Bwana” teve o refrão trocado para “Obama”. No palco com o filho Beto e o marido Roberto de Carvalho, Rita gravou também o forró “O bode e a cabra”, paródia de “I wanna hold your hand”. “Queríamos gravar, mas a dona Yoko (Ono) sempre vetou. Finalmente a ‘japa’ liberou, então fizemos questão de incluir.”

Fernanda Brambilla/JT


Assassinado coordenador de basquete do Palmeiras

O ex-jogador e coordenador de basquete do Palmeiras, José Francisco Fappi, de 47 anos, foi assassinado após assalto na região do Paraíso, próximo à avenida 23 de Maio.

Ele foi abordado por bandidos na rua Nilo, ao lado do Tênis Clube Paulista, na zona sul de São Paulo, onde participaria de uma partida amistosa para reencontro de veteranos do basquete na noite desta segunda-feira. Ele estacionava o carro quando dois criminosos anunciaram o assalto.

Assustados com uma possível reação do ex-atleta, os bandidos atiraram, atingido a artéria aorta. Mesmo levado ao Hospital do Servidor Público Municipal, José Francisco não resistiu e morreu. Os criminosos fugiram com o veículo e a carteira de Fappi, que era casado e pai de dois filhos.

JP

Nestlé quer comprar a Parmalat do RS

A Nestlé já negocia a compra da maior fábrica no país da Parmalat, controlada pela Laep Investments, em Carazinho (RS), onde são produzidos leite longa vida, em pó e condensado, além de creme de leite.

Estima-se que o negócio será fechado por R$ 100 milhões. Com a compra da unidade, a Nestlé avança em seu projeto de ampliar a participação no mercado brasileiro de lácteos.

Neste ano, a empresa entrou no segmento de leite longa vida premium, com produção terceirizada, num investimento de R$ 100 milhões. Essa pode ser a segunda aquisição da empresa em cinco meses, após a compra, em dezembro, da Água Mineral Santa Bárbara.

Valor

Diego vai para o Juventus de Turim

https://i2.wp.com/www.bundesliga.de/media/images/bundesliga/clubs&spieler/02_bremen/personen/a_-_h/diego_werder_345x468.jpgO meia brasileiro Diego assinou contrato de cinco temporadas com o Juventus na segunda-feira após uma série de reuniões com a diretoria do clube de Turim.

O compromisso do meia brasileiro com o clube italiano vai até o dia 30 de junho de 2014, informa o site do Juventus. O negócio deve render ao Werder Bremen, da Alemanha, € 24,5 milhões (R$ 68,8 milhões).

Nesta terça, a documentação de Diego – que tem dupla cidadania, brasileira e italiana – será  encaminhada para o registro na Liga Italiana de Futebol. O clube italiano já vinha conversando com o Werder Bremen, da Alemanha, e com o próprio jogador há alguns meses.

O meia de 24 anos foi contratado em 2006 pelo Werder do Porto,  de Portugal, por € 6 milhões (quase R$ 17 milhões). Ele se mostrou muito satisfeito com o acerto:

– Estou muito feliz e animado. Sempre falei da minha admiração pelo Campeonato Italiano e vou poder fazer parte desta competição. O Juventus é um grande time, uma equipe de tradição e de muitos títulos. Espero poder ajudar a erguer mais taças – disse o jogador.

%d blogueiros gostam disto: