Bancos inventam nova taxa de cobrança


Desde que as novas regras das tarifas bancárias entraram em rigor 1 ano atrás, os bancos ficaram proibidos de fazer uma série de cobranças dos clientes, entre elas a da tarifa de abertura de crédito que incidia sobre financiamentos.

Mas, para cobrir essa perda de receita as instituições agora inventaram uma nova cobrança.

Cada uma chama de um jeito, mas todas se referem a mesma coisa. É um valor que o consumidor paga para ter a disposição o limite de crédito no cheque especial.

Os contratos do Unibanco informam sobre a existência da comissão de manutenção de crédito, que equivale a 5% do valor do crédito aberto. O HSBC chegou, até, a enviar cartas aos clientes informando sobre a cobrança da manutenção do limite de crédito do cheque especial: 0,15% ao mês sobre o valor do limite disponível.

Em São Paulo, o consultor financeiro, Ricardo Coelho, pesquisou o assunto e resume: a criatividade dos bancos, de fato, é imensa. Como se trata de um encargo e não de uma tarifa os bancos afirmam que a cobrança é perfeitamente legal, já que não é regulada pelo Banco Central. Para Coelho pode até ser, mas está longe de ser uma cobrança ética. Os bancos procurados ainda noa se manifestaram.

O Banco Central afirma que não tem posição oficial sobre a comissão, mas sugere que quem se sentir lesado ligue na ouvidoria de cada instituição. O órgão também não soube explicar a real diferença entre tarifa e encargo, informou, apenas, que tudo deve sempre estar previsto em contrato.

BNews

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: