Dirigente troca Grêmio pelo Vasco


O Grêmio sofreu dois fortes golpes no fim de semana. Primeiro viu o atacante Herrera ficar mais longe do Estádio Olímpico. Agora, a saída do diretor executivo Rodrigo Caetano ( foto) para o Vasco foi confirmada. Ele ainda irá participar das negociações envolvendo o jogador argentino para depois assumir no clube carioca.

Rodrigo Caetano resolveu deixar o cargo de diretor executivo de futebol do Grêmio para assumir função semelhante no Vasco. A mudança foi confirmada neste domingo pelo vice-presidente do clube gaúcho, André Krieger, em entrevista à Rádio Gaúcha.

Segundo André Krieger, o Santos já tinha tentado a contratação de Rodrigo Caetano logo depois do Campeonato Brasileiro, mas ele preferiu continuar no Grêmio. Agora, no entanto, diante da proposta do Vasco, o dirigente optou pela mudança.

O Grêmio ainda tentou manter o profissional, mas Rodrigo Caetano ficou seduzido pela proposta do Vasco, que lhe ofereceu dois anos de contrato e a chance de começar um trabalho do zero, já com a missão de disputar a Série B do Brasileiro nesta temporada.

Seu substituto poderá ser Mauro Galvão, ex-zagueiro do Grêmio. O retorno de Mário Sérgio, que ocupou o cargo no começo de 2005, foi descartado pela diretoria. O anúncio do nome deve ocorrer na terça-feira.

Para a diretoria tricolor a escolha do profissional não foi financeira. Caetano ficou seduzido pelo projeto vascaíno, que vai disputar a Série B do Campeonato Brasileiro na temporada 2009.

Segundo o dirigente André Krieger, o ex-diretor executivo não quis discutir uma nova proposta salarial. “Ele descartou dinheiro. Pelo desafio manteve o interesse de sair. Se ele está saindo é por vontade própria”, afirmou.

Rodrigo Caetano chegou ao Grêmio em 2005, ano em que o time disputou a Série B, para coordenar as categorias de base do clube. Um ano e meio depois, o dirigente passou a atuar no profissional.

Caso seja contratado pela diretoria cruzmaltina, a estrutura do futebol do Vasco vai ter os mesmos profissionais. Hoje, o departamento conta com gerente de futebol Carlos Lancetta, e os supervisores Daniel Freitas e Fabiano Lunz. O profissional do Tricolor gaúcho vai suprir a ausência do vice-presidente de futebol. Em 2008, Manuel Fontes, o Neca, passou pelo cargo.

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: