Ulbra: MP Mato Grosso do Sul cobra 3,4 milhões do FAT


O Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul entrou com recurso na Justiça Federal para que a Ulbra (Universidade Luterana do Brasil) devolva integralmente os recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) repassados à instituição para realização de cursos profissionalizantes. Segundo a Procuradoria, a universidade terceirizou os serviços e não garantiu a qualidade dos cursos.

A Justiça Federal já condenou a Ulbra a ressarcir R$ 1.281.879 aos cofres públicos. No recurso, a Procuradoria pede que a instituição devolva R$ 3.464.539,38, valor total do prejuízo.

A reportagem entrou em contato com a Ulbra mas a universidade ainda não se posicionou sobre a iniciativa da Procuradoria.

A Ulbra tem sede no Rio Grande do Sul mas os recursos foram repassados via convênio assinado em 1996, como parte do programa Brasil em Ação, para realizar os cursos profissionalizantes no Mato Grosso do Sul.

Segundo a Procuradoria, a universidade foi contratada por ter experiência específica no tipo de curso a ser oferecido. Apesar disso, terceirizou os serviços para várias empresas e passou a gerenciar os cursos.

Aaquidauananews

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Comentários

  • carlos durand  On novembro 11, 2008 at pm:45 pm

    se o reitor da ulbra do RS vender seu automóveis de sua coleção com certeza irá pagar todas as duas dividas.

    \

  • sonia maria rezende garcia  On novembro 6, 2008 at am:21 am

    porque o atendimento da Ulbra está tão precário ultimamente?por telefone não esta tendo gente competente, nos deixando a espera horas e horas ouvindo música emsituaçoes de interurbanos.materiais que faltam não chegam em dia.gostaria de saber com quem falar ou pra quem mandar e-mails no casode mensalidades atrasadas?obrigada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: