Maluf será ouvido por juiz francês


O deputado Federal e ex-prefeito de São Paulo, Paulo Salim Maluf, ficará frente a frente com o juiz que o deteve por onze horas em Paris, em 2003, para que ele e sua esposa, Silvia Maluf, explicassem a origem de US$ 1,8 milhões depositados na França. Maluf e a esposa, o filho do casal Flávio e a ex-mulher dele, Jacqueline, serão ouvidos em processo, movido pelos magistrados Henri Pons e Jean-Marie d’Huy, do Tribunal de Grande Instância de Paris, por lavagem de dinheiro.

O depoimento será realizado pela juíza Sílvia Maria Rocha, titular da 2ª Vara Criminal Federal de São Paulo. O interrogatório foi determinado pelo Supremo Tribunal Federal, e será realizado por carta rogatória. O juiz Pons e dois policiais franceses poderão fazer perguntas a Maluf por meio do procurador da República, Rodrigo De Grandis.

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: