Empresário desmatador doa R$ 11,4 mi ao meio ambiente


O ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, assinou ontem com o empresário Eike Batista, dono do grupo EBX, termo decooperação operacional e financeira que prevê a doação de R$ 11,4 milhões pelo grupo para apoio a conservação ambiental de Fernando de Noronha, Lençóis Maranhenses e Pantanal. Empresas do grupo respondem a denúncias por crimes ambientais.

É justamente no Pantanal, no Pólo Siderúrgico de Corumbá, que fica uma das usinas do grupo acusadas de receber carvão produzido e transportado de forma irregular.

O ministro Carlos Minc afirmou que o ato nada tem a ver com compensação ambiental.

– Temos que pensar num Brasil a longo prazo. É um privilégio poder fazer essas doações porque Fernando de Noronha, os Lençóis e o Pantanal são jóias da natureza do Brasil – disse o empresário.

Questionado pelos jornalistas se a denúncia procedia, Eike disse que não tem sentido uma de suas empresas se “sujar por algo tão pequeno”. Chegou a dizer que pensa em fechar essa usina porque ela seria muito pequena dentro do complexo da EBX e que não valia a pena tanto transtorno.
– Somos tão grandes em outras áreas que não vale a pena – disse o empresário.

JB

Diz o Noblat:

Deixe-me ver se li direito;

O empresário Eike Batista é o campeão de multas não pagas por desmatamento da região do Pantanal. Deve ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente R$ 29,4 milhões. Recorreu à Justiça para anular ou abater o valor da dívida. Mas ontem foi recebido com festa no Ministério do Meio Ambiente.

Batista anunciou que doará R$ 11,4 milhões para a preservação de três parques nacionais – pouco mais de um terço do que deve e não paga. Ganhou um diploma e foi elogiado pelo ministro Carlos Minc – sim, aquele para sempre refém de holofotes.

Tudo bem pra vocês? Então tudo bem pra mim.

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Comentários

  • artur antonio ripamonte  On março 23, 2009 at am:32 am

    Lendo esta reportagem, tomei a liberdade de escrever, pedindo uma gentileza no sentido de me arrumar um email, endereço ou telefone do empresário Eike Batista ou de suas empresas, no sentido de eu poder entrar em contato com sua pessoa pedindo uma doação para um abrigo de 82 criança das quais eu tomo conta. Favor me retornar. Obrigado

  • Adriano Marcio  On outubro 16, 2008 at am:54 am

    Olha Noblat, pra mim não! Pra mim não está bom não. Ou você é agente causador ou agente defensor. Essa estória de “doar” para o meio ambiente. Porque então não pagou parte das multas que deve? Medo de pagando estas estar confessando culpa? E esta de que a usina é um investimento tão pequeno que pode até ser fechado. Este ou outro deveriam ser fechados se de fato agridem o meio ambiente, e não se são grandes ou pequenos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: