Paulo Henrique Amorim vence ação contra Mainardi e Abril


A 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo decidiu, nesta quarta-feira, 6, que a Editora Abril e o colunista da revista Veja Diogo Mainardi terão que pagar R$ 207.500,00 ao jornalista Paulo Henrique Amorim. Para o desembargador e relator do processo, Oldemar Azevedo, e outros dois juízes, Mainardi se excedeu no texto publicado na edição da revista do dia 6 de setembro de 2006. Os réus podem recorrer da decisão junto ao Superior Tribunal de Justiça.

Segundo a coluna de Mainardi, Amorim estaria na fase descendente de sua carreira e o iG o teria contratado por R$ 80 mil oriundos de fundos de pensão de empresas públicas. O colunista também escreveu que Amorim teria se engajado pessoalmente numa batalha comercial do ‘lulismo contra Daniel Dantas’. De acordo com Mainardi, o dinheiro gasto para o iG manter a página de Amorim seria público e o portal seguiria uma linha editorial ‘petista’.

Amorim move duas ações contra Mainardi pela mesma coluna, uma na esfera cível e outra na criminal. A juíza Michele Pupullin, do TJ-SP, absolveu Mainardi do processo movido na área criminal. Na esfera cível, Mainardi ganhou na primeira instância. Cabe recurso ao Superior Tribunal de Justiça.

Coletiva.Net

Comente ou deixe um trackback: URL do Trackback.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: