Arquivo do dia: julho 25, 2008

MPF contra imagens em maços de cigarro

MPF luta contra imagens em maços de cigarro

Mais um capítulo sobre as novas imagens que a Anvisa pretende colocar em maços e nas propagandas de cigarro (leia aqui). Agora, o Ministério Público Federal de Santa Catarina (MPF/SC) acaba de ingressar com ação civil pública contra a União e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para que não obriguem as empresas tabagistas a comercializarem os maços e as propagandas de cigarro com as atuais imagens-padrão de ‘advertência’.

Segundo o site do próprio Ministério Público, o procurador da República em Blumenau João Marques Brandão Néto alega que “as gravuras adotadas pelos réus atingem o fundamento constitucional da dignidade da pessoa humana. Como a campanha foi estendida para além das embalagens de cigarro, ao entrar em qualquer lanchonete, loja de conveniência, restaurante ou bar, entre outros, os cidadãos são aterrorizadas pela foto de um cadáver com o crânio rachado ou um feto morto dentro de um cinzeiro”. Veja, acima, uma das imagens que poderão estar nos maços dos cigarros e nos pontos-de-venda a partir do ano que vem.

O procurador aponta, ainda, outra questão: o uso do cigarro, no Brasil, não é proibido. Como ninguém é obrigado a deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei, respeitando-se os princípios da legalidade e da liberdade, não pode o Poder Público encarar o ato de fumar como atividade ilícita, ou como se os fumantes fossem inferiores.

Mudanças na RBS

Nos próximos meses deverá ser anunciada uma alteração importante na direção do Grupo RBS. Afonso Motta, vice-presidente de Televisão e Rural, pode deixar a empresa para candidatar-se a deputado federal pelo PDT. O executivo não fala oficialmente sobre o assunto, mas faz vários movimentos no sentido de consolidar sua posição dentro do partido.

Afonso Motta é também um dos principais dirigentes da Agert (Associação Gaúcha das Emissoras de Rádio e Televisão), em que ocupa o cargo de vice-presidente de Relações Governamentais e Mercado.

Governo britânico aposenta Mick Jagger aos 65 anos

O incansável Mick Jagger pode não querer se aposentar dos Rolling Stones, mas, para o governo da Grã-Bretanha, o astro passa a cerrar fileiras com os pensionistas ingleses a partir deste sabdo.

O roqueiro completa 65 anos e passa a ter direito a uma aposentadoria básica do governo britânico: cerca de 360 libras mensais, algo como R$ 1,1 mil. Um troco para quem tem fortuna pessoal estimada em 225 milhoes de libras (R$ 705 milhões).

A partir de sábado, Mick Jagger terá direito a uma aposentadoria básica do governo britânico de quase 91 libras (285 reais) semanais.

Mas ele terá que esperar outros cinco anos para ter direito ao isolamento térmico gratuito do telhado de sua casa. Esse benefício só é dado aos britânicos com mais de 70 anos.

O vocalista da banda britânica Rolling Stones se tornará aposentado por idade — mas apenas no papel.

Mick Jagger continua a fazer o relógio andar para trás. Recentemente, impressionou platéias em cinemas com seus malabarismos, captados pelo diretor Martin Scorsese no documentário “Shine a Light”.

Está claro que Jagger não pretende simplesmente viver de sua fama, afastar-se do mundo e cuidar de seu jardim. Ele vem se envolvendo cada vez mais na produção cinematográfica, tendo sido produtor executivo de “Shine a Light” e trabalhado em dois outros longas. Rumores sobre novo álbum e nova turnê mundial dos Stones chegam aos noticiários regularmente.

A turnê “A Bigger Bang” foi a mais lucrativa de todos os tempos. De acordo com o produtor de turnês dos Stones, Michael Cohl, ela arrecadou 558 milhões de dólares entre 2005 e 2007.

Michael Philip Jagger nasceu em Dartford, sul da Inglaterra, em 26 de julho de 1943, filho de um professor e uma cabeleireira.

Reuters/London

Rei dá a Chávez camiseta “¿Por qué no te callas?”

O rei Juan Carlos I da Espanha presenteou hoje o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, com uma camiseta, que é sucesso por toda Espanha, ilustrada com a famosa frase “¿Por qué no te callas?” (Por que não se cala?), que estremeceu as relações diplomáticas entre espanhóis e venezuelanos.

Durante o encontro entre os dois hoje no Palácio de Marivent, na residência de verão da família real espanhola em Palma de Mallorca, o monarca entregou a camiseta a Chávez, conforme o presidente venezuelano contou para a imprensa em Madri.

No Palácio da Moncloa, residência do presidente do Governo espanhol, Chávez tentou mostrar aos jornalistas a camisa que recebeu do rei, mas ninguém de sua delegação encontrou o presente naquele momento.

O que o presidente venezuelano contou foi que pediu a seu “amigo Juan Carlos de Borbón” um “dinheirinho” pelos direitos autorais de propriedade intelectual gerados pela famosa frase, já que foi mérito dos dois.

Na época causou “furor”, mas agora ficará na “lembrança”, para rir por toda a vida cada vez que for lembrada, comentou Chávez, cuja visita à Espanha despertou o interesse da imprensa.

O presidente da Venezuela se mostrou feliz de voltar a Moncloa, mas o que mais o surpreendeu nesta visita foi a “maravilhosa” Palma de Mallorca que, segundo ele, lembra o Caribe, e o café servido no Palácio de Marivent. EFE

Pepe: Cristiano Ronaldo quer ir para o Real Madri

Os jornais espanhóis insistem hoje na possível transferência de Cristiano Ronaldo do Manchester United para o Real Madrid e o assunto voltou a ser o tema central no final de mais um treino dos merengues no estágio que estão realizando na Áustria.

«É um privilégio jogar com o Cristiano porque para mim é o melhor do Mundo. Se vier para cá, é um jogador que poderia ser muito importante para a nossa equipe. O Madrid já mostrou interesse, agora cabe ao jogador decidir. É o Cristiano que tem de falar», destacou o central português Pepe que não tem dúvidas quanto às ambições do seu companheiro de seleção. «Ele já disse várias vezes. Ele gosta de Madrid e conhece a grandeza do clube», acrescentou.

Apesar do arrastar da novela Ronaldo, o Real Madrid não conta ainda com nenhum reforço para a próxima temporada.

O Real está treinando na Áustria, onde as temperaturas são bem baixas comparadas com a quente Madrid onde os termometros já registam temperaturas de quarenta graus. Não estamos de férias, viemos para trabalhar», contou ainda Pepe.

Machado de Assis será tema da Mocidade

A Mocidade Independente anunciou ainda agora seu enredo para 2009: A vida e a obra do escritor Machado de Assis.

Vamos falar de um grande brasileiro – disse o presidente da Mocidade. Paulo Vianna contou que muitos enredos foram oferecidos, mas falar de Machado de Assis é retratar a literatura e vida brasileira.

– A vida e obra do Machado merecem ser contadas na Avenida. Vamos passar para o mundo toda a literatura brasileira.

Cai como uma luva na excelente safra de temas do próximo carnaval, que tem tudo para ser inesquecível. O tambor, no Salgueiro; o Teatro Municipal, na Vila Isabel; a Imperatriz, falando dela mesma no seu cinqüentenário; o céu, na Unidos da Tijuca; a reedição do clássico “A lenda das sereias”, no Império Serrano, são ótimos exemplos. O Bruxo está em ótima companhia.

AC/NF

Travesti do caso Ronaldo em bafão com médico

O travesti Andréia Albertini, conhecido depois de um incidente com o atacante Ronaldo Fenômeno, ex-Milan, no fim de abril, no Rio de Janeiro, disse nesta sexta-feira (25) que não quer mais falar sobre a confusão na qual se envolveu em Ribeirão Preto, a 312 km de São Paulo. De acordo com a polícia, ele trocou agressões com um médico residente de 28 anos na madrugada de quinta-feira (24).

“Eu não quero mais falar sobre isso. A mídia lucra milhões com minha imagem e nada eu lucro”, afirmou o travesti. Andréia e o médico foram parar no 1º Plantão Policial depois de trocarem agressões em uma avenida movimentada da cidade.

Ao prestarem seus depoimentos para a elaboração do boletim de ocorrência, as partes apresentaram versões distintas, segundo os policiais. O médico disse que parou na via para socorrer uma garota que estava sentada com a mão no rosto, enquanto uma segunda garota acenava para os carros que passavam. Depois de parar o carro, ele disse ter sido agredido e que teria sido ameaçado se não entregasse o celular e a carteira. Em seguida, ele teria chamado a polícia.

Já os travestis contaram que o médico fez a proposta para um programa e os levaram para um drive-in. No local, ele disse que só pagaria o programa se fosse o passivo na relação, no que não foi atendido pelos travestis. Então, o médico os levou de volta para o centro de Ribeirão. Lá, teria desferido um soco em um dos travestis, dando início à troca de agressões, já que se recusou a pagar. A identidade do médico não foi divulgada pela polícia.

G1

Serviços postais ficarão 17,64% mais caros

O Ministério da Fazenda autorizou na última terça o aumento de até 17,64% das tarifas dos Correios. Os novos valores já devem entrar em vigor no final deste mês.

O reajuste chega a 17,64% no caso de cartas enviadas para fora do país e a até 13,5%, para correspondências nacionais, considerando as cartas não comerciais.

O valor da postagem de uma correspondência com menos de 20 gramas para a Europa, por exemplo, passou de R$ 0,85 para R$ 1. Para cartas enviadas dentro do país, o maior reajuste foi no telegrama feito por telefone, que passou de R$ 4,23 para R$ 4,80 por cada página.

O segundo maior aumento para as mensagens nacionais foi no telegrama feito na agência dos Correios. O consumidor, que pagava R$ 5,25 por página, terá de pagar agora R$ 5,85 –um reajuste de 11,4%.

O anúncio ocorreu um dia após o fim da greve dos carteiros. O último aumento ocorreu em março de 2007.

Os funcionários dos Correios voltaram ao trabalho na última terça-feira (22), após 21 dias parados. O acordo entre trabalhadores e empresa foi possível após reunião com o ministro das Comunicações, Hélio Costa. Pela proposta aprovada, será pago um adicional de 30% de risco para 43 mil carteiros. Aos demais funcionários da distribuição e aos atendentes em guichê de agência, a empresa continuará pagando o valor fixo de R$ 260.

Anvisa quer controlar matéria-prima de remédio



A Anvisa quer passar a controlar a matéria-prima dos medicamentos produzidos no Brasil. Atualmente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária faz a inspeção somente nos remédios já prontos. A agência pretende fiscalizar os fabricantes dos insumos, e já iniciou o cadastramento de empresas que abastecem as farmacêuticas brasileiras. Atualmente, a Anvisa não tem dados de quem fez a matéria-prima de uma droga que apresenta problemas.

Funcionários da Infraero entram em greve na 4ª


Os funcionários da Infraero vão entrar em greve na próxima quarta-feira. Os trabalhadores da estatal que cuida dos aeroportos brasileiros exigem a mudança de toda a diretoria do órgão. Os diretores da Infraero têm contratos especiais, e os funcionários exigem a troca por servidores de carreira. A greve começa à meia-noite da quarta-feira, dia 30 de julho.

%d blogueiros gostam disto: