Arquivo do dia: junho 23, 2008

Primeiro bar de gelo no Brasil em SP

Se a procura é pelo inusitado, eis uma dica que literalmente é uma fria! Inaugurou terça-feira (24 junho0) na Vila Madalena, badalado bairro paulista, o evento ICE Espaço – primeiro bar gelado do Brasil. Um projeto itinerante que acontece no Artespaço e que dará continuidade ao acontecimento “A cidade de Gelo” – visa levar futuramente o Ice Espaço a lugares turísticos do país.

O evento foi projetado dentro de uma câmara frigorífica que mantém a temperatura interna de 6ºC negativos e toda alvenaria – balcões, bancos, esculturas e até mesmos os copos – é de gelo.

O ICE Espaço é para atender até 20 pessoas por vez, com roupas adequadas – entregues na entrada – que ali permanecem por 30 minutos.

Os funcionários são treinados para servir os variados drinks e coquetéis bem coloridos, com diferentes sabores e temperaturas, que por incrível que pareça não são congelantes.

Existem alguns bares gelados pelo mundo. Mais precisamente oito pequenas, inusitadas e bem iluminadas casas da ‘Era do Gelo’ que trazem a sensação de um inverno intenso independente do clima.

Serviço: Ice Espaço – No Artespaço. Rua Purpurina, 46. Vila Madalena. São Paulo/SP. Informações: (11) 3034-0529

Band no Festival Folclórico de Parintins

A Band fará uma megacobertura do Festival Folclórico de Parintins. Transmitirá ao vivo, de sexta a domingo, pelo menos cinco horas por dia.

O Festival Folclórico de Parintins é uma festa popular realizada anualmente no último final de semana de junho na cidade de Parintins, Amazonas.

O festival é uma ópera à céu aberto, onde competem duas agremiações, o Boi Garantido, de cor vermelha, e o Boi Caprichoso, de cor azul. A apresentação ocorre no Bumbódromo (Centro Cultural e Esportivo Amazonino Mendes), uma estrutura com o formato de uma cabeça de boi estilizada, com capacidade para 35 mil espectadores. Durante as três noites de apresentação, os dois bois exploram as temáticas regionais como lendas, rituais indígenas e costumes dos ribeirinhos através de alegorias e encenações. O Festival de Parintins se tornou um dos maiores divulgadores da cultura local.

A Band deslocou para Parintins 80 profissionais. A emissora tem até um barco na cidade do AM. As transmissões, com 12 câmeras, serão em alta definição. Todas as cinco cotas de patrocínio foram vendidas.

SBT pode reprisar “Ana Raio e Zé Trovão”

O SBT está negociando a aquisição das fitas de “A História de Ana Raio e Zé Trovão”, novela exibida pela Manchete em 1991 e que substituiu “Pantanal”. O SBT quer repetir a história e reprisar “Ana Raio” logo após o final de “Pantanal”.
Escrita por Marcos Caruso e Rita Buzzar, e dirigida por Jayme Monjardim, “Ana Raio” teve o mérito de mostrar o universo dos rodeios, então emergente, e de gravar “na estrada”.
Silvio Santos negocia “Ana Raio” com o empresário José Paulo Vallone, de quem comprou “Pantanal”. No final dos anos 90, Vallone produziu para o SBT (“Os Ricos Também Choram”) e para a Record (“Estrela de Fogo”). Foi executivo da Record e da Globo.

Sem espaço na programação das grandes redes, Vallone decidiu no ano passado investir no acervo da massa falida da TV Manchete. Contratou uma empresa que faz varreduras em jornais oficiais e descobriu um leilão de novelas da Manchete.

Por cerca de R$ 2 milhões, comprou, além de “Pantanal” e “Ana Raio”, as novelas “Dona Beija” (1986), “Kananga do Japão” (1989/90), “Amazônia” (1991/92) e “Corpo Santo” (1987) e a minissérie “O Canto das Sereias” (1990). As fitas, algumas bastante emboloradas, estão sendo limpas.

FSP

Serviço de hemodiálise não atende demanda

O número de novos pacientes dependentes de hemodiálise no País cresceu menos do que o esperado no ano passado, pela primeira vez desde que passou a ser medido. O que poderia ser boa notícia, na verdade esconde um sistema que parece dar mostras de não conseguir mais atender à demanda que não pára de crescer.

De acordo com o censo realizado pela Sociedade Brasileira de Nefrologia, hoje são 73.605 brasileiros dependentes da terapia renal substitutiva. Em relação a 2006, quando existiam 70.872 pacientes, isso representa um crescimento de 4%. Bem abaixo da média de 10% registrada em anos anteriores.

Porém, o número de pacientes na fila à espera de atendimento é crescente.

Os gastos do Ministério da Saúde com o procedimento passaram de R$ 600 milhões, em 2000, para R$ 1,2 bilhão, em 2007. Mesmo assim, o aumento parece insuficiente.
AE

Everest fechará para “faxina”

Governo chinês limitará o acesso ao Everest aos milhares de alpinistas que a cada ano vão escalar o “topo do mundo” durante o primeiro semestre de 2009, argumentando a necessidade de limpar todo o lixo deixado no local.

Segundo o jornal “China Daily”, o lixo abandonado por alpinistas e turistas no monte mais alto do mundo, com 8.848 metros de altitude sobre o nível do mar, coloca em perigo seu frágil ecossistema, disse Zhang Yongze, diretor do Birô de Proteção Ambiental do Tibete.

A agência oficial de notícias “Xinhua” informa que a campanha de limpeza acontecerá no primeiro semestre do próximo ano.

Além da deterioração causada pela atividade alpinista o aquecimento global sobre o Everest, já derrete a geleira que o forma.

O portal “Adventure Stats” informa que até 2007 um total de 2.972 escaladores subiram o monte Everest, dos quais 208 morreram.

%d blogueiros gostam disto: