Monthly Archives: setembro 2011

Gretchen vira garçonete nos Estados Unidos

  • Reprodução/Caras

    Gretchen virou garçonete em lanchonete em Orlando, nos Estados UnidosGretchen virou garçonete em lanchonete em Orlando, nos Estados Unidos

Gretchen, que se casou há dois meses e foi morar nos Estados Unidos, confirmou, em entrevista ao programa “TV Fama”, que tornou-se garçonete. A cantora conta, no programa que vai ao ar às 20h desta quinta-feira (29), que sua união com o chef de cozinha Fernandez terminou e que, por conta disso, passou a trabalhar como garçonete: “Estávamos trabalhando demais. Não deu certo”, diz.

Após abandonar a carreira de cantora no Brasil, ela passou a trabalhar no “Netto´s Cafe”, lanchonete situada em Orlando. Sobre a nova profissão, a cantora diz não ter vergonha e afirma: “Se tivesse que me prostituir para dar comida aos meus filhos, eu faria”.

Um turista brasileiro tirou uma foto de Gretchen e a publicou no Facebook.

Cobertura do Maracanã custa R$ 47 milhões na Polônia e R$ 197 milhões no Brasil. Ora, são só R$ 150 milhões!

O secretário adjunto de Planejamento e Procedimento do Tribunal de Contas da União (TCU), Marcelo Luiz Souza da Eira, disse, em audiência no Senado nesta quinta-feira (29), que há indícios de sobrepreço nas obras de cobertura do estádio do Maracanã. Em sua opinião, o estado do Rio de Janeiro e a União precisam dar justificativas ao tribunal. Marcelo Eira participou da quarta audiência pública do seminário Primeira Avaliação Parlamentar da Copa do Mundo de 2014, que discutiu, na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), a fiscalização das obras da Copa do Mundo de 2014.

O secretário adjunto disse que estádios similares na Ucrânia e na Polônia, usando o mesmo tipo de fornecedor, tiveram custo de R$ 47 milhões, enquanto que o valor estimado para a cobertura do Maracanã chega a R$ 197 milhões. Ele salientou que a diferença é “astronômica” e que o estado deve rever a estimativa de custo. O TCU também constatou sobrepreço em editais de obras em outros estados, que já foram corrigidos, e não há indícios de outras irregularidades graves, disse o secretário do tribunal. Ele explicou que a atribuição do TCU é fiscalizar os contratos de financiamentos para fundamentar as decisões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e da Caixa Econômica Federal. Informações sobre o acompanhamento das obras da Copa pelo TCU pode ser acessadas na internet.

 

Do Blog coroneLeaks

Reebok paga 25 milhões de dólares para encerrar processo

A multinacional Reebok aceitou pagar 25 milhões para encerra uma ação aberta pela Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos.

A Reebok é acusada de propaganda enganosa na campanha dos tênis EasyTone e Runtone. Segundo a propaganda o tênis é capaz de fortalecer os músculos da perna e glúteos apenas com o caminhar do dia-a-dia. A comissão realizou uma série de testes e não comprovou a eficácia do produto.

O dinheiro recebido será usado para ressarcir os compradores do produto

Anna Ramalho

Foto de 1860 de homem igual ao John Travolta


O homem que viveu há 150 anos é a cara do JohnTravolta Foto: Reprodução / Mail Online
Extra Online
Tamanho do texto A A A

Uma retrato feito há 150 anos foi colocado à venda no Ebay, site se compras americano. Mas não se trata de uma fotografia qualquer. Isso porque o homem que aparece na imagem é idêntico ao ator John Travolta.

A fotografia está sendo vendida por 50 mil dólares ou pelo valor que mais se aproximar ao pedido. E parece que o vendedor acredita mesmo que se trata do John Travolta, em outra encarnação. “Eu acredito que essa é uma foto de um jovem John Travolta tirada por volta de 1860…”, escreveu ele no site. O preço a se pagar pela foto do ator em outra encarnação é bem salgado. Mas o pacote inclui frete grátis e até papel de embrulho!

Há cerca de um mês, um homem colocou à venda na internet uma foto de uma pessoa idêntica ao ator Nicolas Cage. O vendedor pediu 1 milhão de dólares pela imagem e garantiu a originalidade da foto. Segundo ele, o homem fotografado viveu por volta de 1870, em Bristol, no Tenesse, Estados Unidos.

INSS de domésticas poderá ser deduzido do IR até 2014

A Receita Federal decidiu prorrogar a norma que permitia às pessoas físicas deduzir do Imposto de Renda  a contribuição previdenciária de empregados domésticos. A instrução normativa foi publicada hoje no Diário Oficial da União. Qualquer brasileiro que contrate formalmente uma faxineira, babá, motorista, jardineiro ou qualquer outro empregado doméstico deve pagar ao INSS uma contribuição equivalente a 12% do salário do funcionário.

A possibilidade de deduzir essa despesa do IR foi criada para incentivar a formalização dos funcionários, uma vez que os patrões podem recuperar a despesa adicional no ano seguinte, quando declararem o imposto. A medida estava prevista para ser extinta neste ano. Portanto, a declaração do IR 2012 seria a última em que o benefício seria concedido. Agora, a possibilidade de dedução foi estendida até a declaração de 2015 (ano-base 2014).

Pela legislação tributária, o contribuinte só poderá deduzir o IR correspondente ao pagamento de um salário mínimo ao funcionário. Quem tem um funcionário que ganha mais do que isso deverá arcar com a parte proporcional da despesa com o INSS. Vale lembrar que somente o contribuinte que opta por entregar a declaração completa do IR vai se beneficiar da decisão da Receita. Nada muda para quem costuma enviar à Receita a declaração simplificada.

Bens da última primeira dama da ditadura vão para leilão

O leiloeiro Roberto Haddad passou pelo martelo, ontem à noite, obras de arte e objetos que pertenceram ao acervo de Dulce Figueiredo, a última primeira dama do regime militar, que morreu em junho passado.

Os filhos de Dona Dulce não queriam a divulgação, mas foram convencidos  depois que o leiloeiro confidenciou a eles que peças oriundas de um acervo conhecido sempre sobem de preço. Aliás, foi o mesmo Roberto Haddad quem leiloou os bens do ex-presidente João Figueiredo, que sua viúva colocara à ven

O leilão vai até o dia 6. Na quarta e quinta da próxima semana, a casa venderá jóias, muitas das quais foram da ex-primeira dama.

Do Blog de Anna Ramalho

Rádio AM não precisa dar aumento salarial por retransmitir em FM

A 8ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Sul (TRT-RS) manteve sentença do juiz do Trabalho Eduardo Duarte Elyseu, da 19ª Vara do Trabalho de Porto Alegre, que negou acréscimos salariais a radialistas da rádio Guaíba AM, por esta ter começado a retransmitir sua programação também em FM.

A ação foi ajuizada pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Radiodifusão e Televisão do Rio Grande do Sul. O sindicato alegou aumento de responsabilidade por parte dos trabalhadores, maiores lucros da reclamada com a retransmissão e a proibição, pela lei 6.615/78 (que regulamenta a profissão no Brasil), do radialista acumular funções em um mesmo setor da empresa sem aumento de salário. Cabe recurso da decisão.
Segundo o relator do acórdão, juiz convocado Wilson Carvalho Dias, não ficou demonstrado no processo que os radialistas passaram a ter vínculo com mais de uma empresa, o que poderia gerar alterações no contrato de trabalho. Apesar da retransmissão em FM, eles continuaram vinculados a mesma emissora, Rádio Guaíba LTDA, sem alteração, inclusive, na programação veiculada diariamente.

O magistrado salientou, também, que a lei mencionada pelo sindicato prevê acréscimos salariais apenas quando houver acúmulo de funções dentro de um mesmo setor da emissora ou quando existir exercício de função de chefia juntamente com as atividades comuns do cargo. “A rigor, havendo idêntica programação na emissora, tanto para AM quanto para FM, os profissionais seguem executando as mesmas tarefas que exerciam anteriormente”, explicou.

O reclamante alegou, ainda, que haveria aumento de responsabilidade pelos novos recursos técnicos exigidos para a retransmissão em FM e pelo aumento de audiência. O desembargador da 8ª Turma, entretanto, ressaltou que essas hipóteses não estão previstas na lei 6.615/78. O magistrado enfatizou que, como se trata de lei especial regulamentadora da categoria profissional, é a partir dela que a pretensão deveria ser julgada.

Processo 0001157-66.2010.5.04.0019 (RO)

Via Blog do Prévidi

Escurinho morre por complicações do diabetes

O ex-jogador de futebol Escurinho faleceu na tarde desta quarta-feira (27) no Hospital de Clinicas em Porto Alegre. Ídolo do Internacional na década de 1970, Luís Carlos Machado, que já havia amputado parte da perna, morreu por complicações do diabetes e insuficiência renal.

Conhecido pela habilidade como cabeceador, jogando com a camisa colorada Escurinho ganhou sete títulos gaúchos (1970, 1971, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1976) e dois campeonatos brasileiros (1975 e 1976). Em sua passagem pelo Palmeira foi vice-campeão brasileiro de 1978. Pelo Barcelona de Guayaquil foi campeão equatoriano em 1981.

HPV: vacina para homens

Eles agora também contam com o imunizante que já protegia as mulheres desse vírus por trás de graves tumores

por Caroline Randmer design Michele Kanashiro ilustração Bruno Algarve

A única defesa que a ala masculina tinha contra esse baderneiro causador de mais da metade dos casos de câncer de pênis era a camisinha. Mesmo assim, a eficácia do preservativo chegava só a 60%. Isso porque ele barra apenas a invasão do micro- organismo no órgão genital. O resto do corpo ficava à mercê do menor contato com o inimigo, que pode ser transmitido mesmo sem a presença de lesões.

Basta encostar na região infectada — já é suficiente. Mas essa vulnerabilidade dos homens perante o HPV está com os dias contados: a vacina contra esse vírus, antes exclusiva para as mulheres, tidas como mais suscetíveis às suas investidas, acaba de ser liberada para meninos e jovens de 9 a 26 anos, fase das descobertas sexuais.

O aval da Agência Nacional de Vigilância Santiária, braço do governo brasileiro responsável por regulamentar remédios, se baseou em um estudo publicado na revista científica americana New England Journal of Medicine. Foram colhidos dados de 4 065 homens entre 16 e 26 anos de idade de 18 países. O resultado surpreendeu.

As doses do imunizante foram capazes de evitar 90% das verrugas genitais, um dos estragos provocados pelo vírus. “O papilomavírus humano, o nome científico do HPV, tem aproximadamente 200 variantes e compromete os tecidos de revestimento do corpo, como a pele e as mucosas”, explica a bióloga Luisa Lina Villa, coordenadora do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia das Doenças de Papilomavírus. Ricardo Cunha, responsável pela área de vacinas do Laboratório Delboni Auriemo, na capital paulista, completa: “Uma vez na pele, o HPV busca camadas mais profundas, multiplica-se e volta para a superfície em diferentes graus”.

Um estudo realizado no Brasil, no México e nos Estados Unidos aponta que a incidência de contágio do HPV em homens entre 18 e 70 anos é de 50%. E grande parte deles nem desconfia que está contaminado. “Um indivíduo pode viver por anos com o micro-organismo na surdina e só apresentar sintomas em um momento em que as defesas ficam debilitadas”, diz o urologista Gustavo Alarcon, do Hospital e Maternidade São Luiz, em São Paulo.
O pior é que esse período dormente não impede sua transmissão. Muitas vezes, o malfeitor acaba sendo eliminado pelo próprio organismo, mas, em outras situações, evolui para estágios mais agressivos, como câncer de pênis, ânus e boca. Trata-se de uma verdadeira roleta-russa viral. Até existem tratamentos, mas são dolorosos, com lasers e raspagem das áreas comprometidas. A vacina poupa todo esse sofrimento, disparando uma resposta imune capaz de controlar futuras infecções e proteger o indivíduo de 40% dos tumores penianos e até 75% dos anais. Sorte deles!

Blindagem imune

Quadrivalente, a vacina age como um escudo contra quatro tipos do vírus HPV — os 6, 11, 16 e 18, justamente os mais perigosos. Ela é aplicada em três doses: a primeira na data escolhida, a segunda dois meses depois da picada inicial e a última entre seis e 12 meses depois da injeção de estreia. Ainda não disponível na rede pública, o custo total do imunizante sai em torno de 900 reais. A recomendação e a receita devem ser feitas por um urologista.

Revista Saúde

HQ: morre quadrinista italiano Sergio Bonelli

Considerado o maior nome dos quadrinhos italiano, Bonelli foi responsável por continuar as histórias de “Tex”criado em 1948 por seu pai com o ilustrador Aurelio Galleppin

O roteirista de histórias em quadrinhos italiano Sergio Bonelli, criador dos personagens “Zagor” e “Mister No”, morreu nesta segunda-feira (26), em Monza, na Itália, aos 79 anos.

Bonelli, nascido em Milão, em 1932, começou a apresentar problemas de saúde em agosto, durante suas férias no sul da França, e estava internado.

Considerado o maior nome dos quadrinhos italiano (conhecidos como fumetti), Bonelli foi responsável por continuar as histórias de “Tex”, criado em 1948 por seu pai, Gian Luigi Bonelli, com o ilustrador Aurelio Galleppini (Galep), que conta as aventuras do vaqueiro Tex Willer no Texas na segunda metade do século XIX.

O roteirista fundou a Sergio Bonelli Editore, a maior editora do gênero no país, que em 1986 começou a publicar as HQ’s de “Dylan Dog”, um detetive paranormal, criado por Tiziano Sclavi, cujas vendas chegaram a superar as do próprio “Tex”.

A editora produziu ao longo de décadas personagens fantásticos, sucessos internacionais e as minisséries de Nathan Never, Dylan Dog e Martin Mystere, editadas em 1999 pela empresa norte-americana Dark House.

Os quadrinhos de “Tex” foram publicados no Brasil pela Editora Globo. Além disso, as histórias foram traduzidas também para o espanhol, francês e inglês.

Agência Ansa

Sergio Bonelli e os principais personagens de sua editora: 1 – Mister No ; 2 – Dylan Dog; 3 – Zagor

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 2.467 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: